RCB/TuneIn
Quarta, 19 Jun 2019
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
POL√ćTICA
PENAMACOR: AUTARQUIA COMPRA SALÃO PAROQUIAL
Rádio Cova da Beira
A c√Ęmara municipal de Penamacor vai avan√ßar para a aquisi√ß√£o do antigo sal√£o paroquial daquela vila. A opera√ß√£o foi aprovada por unanimidade na √ļltima reuni√£o p√ļblica do executivo e representa um investimento na ordem dos 200 mil euros.
Por Nuno Miguel em 20 de Dec de 2018
Nos últimos meses a autarquia tem vindo a negociar a aquisição do edifício com a fábrica da igreja de Penamacor, sendo que a solução agora encontrada vai permitir, de uma vez por todas, encontrar uma solução para o futuro de um espaço emblemático que aguarda há décadas por um desfecho, como refere o presidente da autarquia “todos sabemos que hoje não é possível intervir neste tipo de imóveis sem termos a respectiva propriedade, nem muito menos a perspectiva de eventuais financiamentos. O que eu considero é que este imóvel tem de ter um destino e ser resolvida a situação em que está. É um edifício que está na zona nobre da Penamacor e não nos deixa, a nenhum de nós, bem vistos nesta fotografia. Depois de alguns meses a negociar com os responsáveis da fábrica da igreja foi possível chegar a um entendimento para que o município possa ser o dono do imóvel e perspectivar a potenciação de futuras candidaturas para a sua requalificação”.    
Mas se a aquisição do edifício foi aprovada, António Beites reconhece que existe ainda uma incógnita em relação à utilização futura a dar ao imóvel “quando foi feito o protocolo de cedência do imóvel ao município, há bastantes anos, era exclusivamente para o centro de congresso Ribeiro Sanches. Mas essa é uma questão que todos temos depois de decidir o que ali vai ser feito uma vez que, por coincidência, já está em fase de adjudicação o concurso público para a requalificação integral do teatro clube de Penamacor. Como é óbvio não se justifica que existam em Penamacor dois centros culturais e nesse sentido temos que depois tomar a melhor decisão em relação à utilidade que vamos dar ao salão paroquial”. 
Para além da compra do salão paroquial, a operação contempla ainda a aquisição de outros dois imóveis no centro histórico de Penamacor, que também são da propriedade da paróquia, comprometendo-se a fábrica da igreja a utilizar parte do valor envolvido para requalificar a antiga casa paroquial “esse compromisso foi assumido durante estas negociações, ou seja, parte do valor de venda destes imóveis será utilizada pela fábrica da igreja para requalificar a casa paroquial de Penamacor, que fica mesmo ao lado do salão, dotando-a de outras valência e permitindo que ela fique em espaço próprio uma vez que hoje desenvolvem as suas actividades em edifícios cedidos pelo município mas que não tem as condições ideais para todas as actividades que a fábrica da igreja tem, nomeadamente com a catequese”.    
Uma proposta que também mereceu o voto favorável do vereador da oposição. Domingos Torrão regista com agrado o final das negociações mas agora importa definir qual o futuro a dar ao imóvel “o actual quadro comunitário tem privilegiado a aposta na requalificação e desse modo só me apraz registar a conclusão destas negociações. Naturalmente que cabe agora ao executivo definir o que vai fazer no salão paroquial. A centralidade do edifício é excelente mas os serviços a que se destina é uma questão que de explanação da vossa parte e aproveitamento ao máximo daquilo que já ali foi feito”. 

  Redes Sociais   Facebook

2007—2019 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados