RCB/TuneIn
Sábado, 15 Dez 2018
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
POLÍTICA
ROTATIVIDADE DEVE MANTER-SE
Rádio Cova da Beira
O presidente da câmara de Belmonte considera que a sede da comunidade intermunicipal das Beiras e Serra da Estrela deve continuar a funcionar de forma rotativa entre as autarquias que integram a CIM e não ficar definido, do ponto de vista estatutário, que a sede fique localizada em definitiva na cidade da Guarda.
Por Nuno Miguel em 24 de Sep de 2018

No final da última reunião púbica do executivo, António Dias Rocha foi confrontado com essa ideia, apresentada pelo autarca da Guarda, Álvaro Amaro, mas garante que até agora o assunto nunca foi abordado no conselho intermunicipal “não tenho ideia de alguma vez se ter falado nesse assunto mas vindo do presidente Álvaro Amaro, com todo o respeito e consideração, também não me surpreende. Se a proposta vier a ser apresentada, tomaremos a nossa posição. Não é isso que está previsto nos estatutos e isso obriga a que tenha de se fazer uma alteração estatutária. Entendo que é prematuro estar a falar neste momento numa situação dessas”. 

 

O presidente da câmara de Belmonte acrescenta que a localização da sede deverá sempre resultar da correlação de forças estabelecida depois das eleições autárquicas e como tal mostra-se favorável à manutenção de um sistema rotativo “acho que o sistema que existe deve manter-se porque o futuro depende dos resultados das eleições autárquicas que houver e da correlação de forças que for estabelecida. Temos também a questão da descentralização e não sabemos se as CIM´S se vão manter como estão. A Guarda é agora o local mais central para estar mas não sabemos se tudo se vai manter como está. Vamos aguardar por essas indicações mas confesso que não estou preocupado com isso”.


  Redes Sociais   Facebook

2007—2018 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados