RCB/TuneIn
Quarta, 24 Out 2018
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
POLÍTICA
OPOSIÇÃO DENUNCIA ABANDONO DA CIDADE
Rádio Cova da Beira
Degradada e ao abandono. A denúncia feita na última assembleia municipal pela bancada “De novo, Covilhã” que deixou como exemplo da degradação, os jardins e parque infantis, o complexo desportivo e os elevadores da cidade.
Por Paula Brito em 21 de Sep de 2018
 

Sem iluminação, “passear no jardim do lago à noite é uma aventura perigosa” refere Mónica Miguel que acrescenta “os parques infantis estão repletos de erva, os bebedouros não funcionam, os equipamentos estão vandalizados, destruídos, encontrando-se num estado de degradação total, a Goldra encontra-se num abando total, no complexo desportivo nascem ervas da bancada da plateia, visualizando-se em ambos os casos uma total degradação. Já os elevadores, como sempre continuam como dizem os papéis colocados à entrada – Fora de Serviço – é triste mas é a degradação e abandono total.”

Uma ideia partilhada também pela bancada do PSD, João de Deus chamou à falta de limpeza dos jardins da cidade de “calamidade urbana”. Uma denúncia já reiterada esta semana em comunicado pelo Partido Social Democrata da Covilhã.

Na resposta aos deputados, o presidente da câmara da Covilhã admite que este Verão os meios foram canalizados para as freguesias, para a limpeza das faixas de combustível, mas nega o cenário pintado pela oposição.

“Há deputados cuja missão é vir aqui escarnecer na câmara, dizer que tudo vai mal, que há um total desnorte, não planeamento, nada disso. O que acontece é que há sítios na cidade que este Verão, estou a falar de algumas ervas em alguns passeios, não terão sido cuidados com aquele zelo habitual porque nós mobilizamos dinheiro e os meios humanos para as freguesias para fazer a limpeza nas zonas de protecção das aldeias.”

Vítor Pereira diz que foi privilegiada a segurança em detrimento da estética, mas nega o cenário de degradação da cidade. 


  Redes Sociais   Facebook

2007—2018 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados