RCB/TuneIn
Terça, 10 Dez 2019
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
DESPORTO
SP.COVILH? EST? CADA VEZ MAIS DISTANTE
Com uma vit?ria justa, conseguida com muita entrega e esp?rito de sacrif?cio, o Sporting da Covilh? esta cada vez mais distante da concorr?ncia. Os serranos passaram a ter 11 pontos de vantagem para o segundo classificada. ? obra !
Por José Joaquim Ribeiro em 27 de Jan de 2008

No jogo que se realizou esta tarde o Sporting não entrou nada bem. Teve momentos de pouca inspiração e alguns dos seus jogadores, nota-se, que não atravessam um bom momento. Foi perante esta falta de clarividência que a equipa que veio de Touriz se aproveitou para se adiantar no marcador. Estavam decorridos 18 minutos e Éder, após jogada de boa movimentação ofensiva do Tourizense, atirou para o fundo das redes de Igor.

Esperava-se que a reacção a este golo fosse de imediato encetada pela equipa serrana, todavia não foi isso que acabou por acontecer. O Sporting manteve a mesma toada de jogo, jogando sem pressas e sem muita acutilância. Foi por isso que nada de muito especial aconteceu até final do primeiro tempo. O resultado continuava a ser favorável aos forasteiros por 0-1.

Na segunda parte, com a chamada de atenção que o técnico Rui França terá feito nas cabinas, os jogadores vieram mais rápidos nas suas diferentes acções e, com o aumentar da velocidade, os serranos chegaram ao tento da igualdade, por intermédio de Paulo Vaz. Eis como a rapidez de execução começou por dar frutos, logo ao minuto 4 da segunda parte.

Como o que parecia mais difícil estava alcançado era necessário que a equipa mantivesse o ritmo acelerado e fosse capaz de construir jogadas que lhe pudesse proporcionar o tento que lhe desse a vitória no encontro. Estavam, então, decorridos 78 minutos quando numa boa iniciativa ofensiva o tão esperado golo apareceu. Foi seu autor Fabricio, um jogador que tem andado arredado da equipa serrana, mas que neste jogo reapareceu para, com o golo que assinou, proporcionar a conquista de mais três pontos para a colectividade covilhanense.

Foi uma vitória justa e, por ter sido necessário virar o resultado, terá sido muitíssimo saborosa.

Em Abrantes os benfiquistas de Castelo Branco conquistaram três preciosos pontos, mercê de uma exibição muito equilibrada e de uma grande dedicação ao jogo. Os comandados de António Jesus venceram por 1-0, com o único golo a ser apontado por Piorro, já segunda parte do desafio. Os albicastrenses, que controlaram toda a partida tiveram boas ocasiões para poderem ter ampliado aquele resultado.

Em termos classificativos os serranos passaram a ter, após esta jornada, 11 pontos de vantagem sobre o Oliveira do Bairro, segundo da geral e 13 sobre o terceiro que é agora o Eléctrico de Ponte de Sôr, por sua vez, o Benfica de Castelo Branco ocupa a 8ª posição, com os mesmos 24 pontos de Abrantes e Nelas.

No próximo fim de semana o Sporting da Covilhã joga na Anadia e o Benfica recebe no seu estádio o Penalva do Castelo.


  Redes Sociais   Facebook

2007—2019 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados