RCB/TuneIn
Segunda, 08 Mar 2021
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
POL�TICA
“TAPAR O SOL COM A PENEIRA”
Rádio Cova da Beira
Os eleitos do movimento “Penamacor no Coração” na assembleia municipal de Penamacor sublinham que a notícia da exoneração de António Gil das funções de adjunto do presidente da autarquia foi recebida “sem surpresa”, mas afirmam que a situação apenas pretende “tapar o sol com a peneira”.
Por Nuno Miguel em 25 de Jul de 2018

Outras da categoria:

Num comunicado subscrito por Lopes Marcelo, Rogério Cruz, Samuel Osório e Nuno Gonçalves, os eleitos sustentam que a legislação em vigor determina que “os membros dos gabinetes exercem as suas funções em regime de exclusividade, com renúncia ao exercício de outras actividades ou funções de natureza profissional ou privadas e independentemente de serem ou não remuneradas”.

 

Os eleitos acrescentam que “era facto público e notório que António Gil é agente de seguros e prestava tal serviço a obras da própria câmara municipal e também da Junta de Freguesia de que é presidente, quer neste mandato, quer já no anterior, quando foi pela primeira vez nomeado para adjunto do presidente da câmara. Assim, já em 2015 se cometeu a ilegalidade na nomeação, que voltou a ser repetida e mantida, a partir de Novembro de 2017, por cinco meses após a sua denúncia pública”.

 

O movimento considera ainda que a justificação de estar “cansado de suspeitas” apresentada por António Gil para pedir a sua exoneração “falta à verdade e deita areia para os olhos das pessoas, pois a ilegalidade sempre existiu de forma clara e patente” acrescentando “para o executivo da câmara municipal, o que incomoda e o que estará mal, não é a prática de ilegalidades mas, antes, a respectiva denúncia”, garantindo que até final deste mandato o movimento vai continuar a pugnar pela legalidade e pela transparência democrática.

  Redes Sociais   Facebook

2007—2021 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados