RCB/TuneIn
Terça, 14 Ago 2018
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
POLÍTICA
PSD ACUSA LUÍS CORREIA DE SANEAMENTO POLÍTICO
Rádio Cova da Beira
O presidente da comissão política distrital do PSD de Castelo Branco acusa o presidente da autarquia albicastrense de ter exercido pressões políticas para que Carlos Almeida não fosse reconduzido no cargo de subdirector do agrupamento de escolas Amato Lusitano.
Por Nuno Miguel em 17 de Jul de 2018
Em conferência de imprensa, Manuel Frexes afirma que se está perante um caso de saneamento político, onde terão existido ameaças por parte de Luís Correia ao actual director do agrupamento caso se concretizasse essa nomeação “aquilo que nos foi dito foi que na base desta decisão estavam pressões feitas pelo presidente da câmara municipal de Castelo Branco, exigindo que o Dr. Carlos Almeida saísse das funções que ocupava e fazendo disso uma condição sobre outro tipo de ameaças. Estariam comprometidos determinado tipo de apoios por parte da autarquia se porventura ele não fosse afastado”. 
Face a esta situação o PSD decidiu apresentar uma queixa no ministério público de Castelo Branco e deixa no ar uma pergunta “ele foi afastado por incompetência ou incapacidade? É afastado porque não apresentou os resultados que lhe tinham sido exigidos? <Não. Nada disso. É afastado única e exclusivamente porque faz parte da oposição”. 
Contactado pela RCB, o presidente da câmara municipal de Castelo Branco, Luís Correia, não quis fazer quaisquer comentários sobre o assunto.

  Redes Sociais   Facebook

2007—2018 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados