RCB/TuneIn
Sábado, 21 Jul 2018
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
SOCIEDADE
UBI VAI FAZER REPOSIÇÕES SALARIAIS
Rádio Cova da Beira
A universidade da Beira Interior vai registar no final deste ano um défice financeiro na ordem de um milhão e 200 mil euros devido às reposições que estão a ser feitas ao nível da massa salarial. Os dados foram avançados pelo reitor da instituição no final da última reunião do conselho de gestão da UBI.
Por Nuno Miguel em 13 de Jul de 2018
Nesta reunião foi decidido avançar com as reposições salariais e docentes e funcionários mas, mesmo sem essa situação, a universidade já iria registar um défice na ordem dos 700 mil euros “o esforço que neste momento se está a pedir à universidade é que seja tudo levado para a massa salarial. E neste momento nós temos já a garantia, mesmo sem reposições, que teremos 700 mil euros de défice. E qual é a solução da direcção geral do orçamento? Vão à gerência dos saldos anteriores. Nós na UBI, e é uma decisão do conselho de gestão, vamos fazer os reposicionamentos salariais na nossa instituição mas já sei que há universidades que não o vão fazer. Ou seja que vamos ter um défice que vai rondar um milhão e 200 mil euros em relação ao orçamento de 2018”.
António Fidalgo acrescenta que esta situação é mais um reflexo do subfinanciamento que a UBI tem tido nos últimos anos uma vez que desde 2005 que o valor das transferências do orçamento de estado não chega para cobrir a despesa com os salários “a UBI em 2005 recebia 21 milhões de euros e isso dava para cobrir toda a massa salarial mas não sobrava dinheiro. Em 2016 com mais alunos, dos oito milhões que recebemos de propinas já tivemos de direccionar cinco milhões e 100 de euros para a massa salarial. E em 2017 esse valor já foi de cinco milhões e 600 mil. Já houve aqui mais uma falha de meio milhão de euros”.   

  Redes Sociais   Facebook

2007—2018 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados