RCB/TuneIn
Sábado, 15 Dez 2018
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
SOCIEDADE
FESTIVAL BOOM REFORÇA PREOCUPAÇÕES AMBIENTAIS
Rádio Cova da Beira
O “Boom Festival” 2018 vai sensibilizar os participantes a reduzirem a produção de lixo, sobretudo plástico, através da instalação de equipamentos de reciclagem interactiva que permitem transformar o plástico em novos objectos através de impressão 3D, foi hoje anunciado. O festival realiza-se em Idanha-a-Nova entre os dias 22 e 29 de Julho.
Por Nuno Miguel em 10 de Jul de 2018
Em comunicado, a organização do festival refere que “a instalação inclui quatro unidades; uma de lavagem e secagem do copo de plástico, por exemplo, outra de trituração do mesmo e uma terceira de extrusão. Com o filamento de plástico que esta última gera e que é submetido à impressão 3D, produz-se um novo objecto".
A instalação destes equipamentos é co-financiada pela associação “Idanha Culta”, que gere a ‘Boomland', e pela iniciativa sê-lo verde, sendo que a autoria do projecto é da associação ambientalista Zero que tem usado este equipamento enquanto ferramenta educativa junto dos mais novos.
A associação já reuniu um conjunto de 18 voluntários de 11 nacionalidades que vão estar no festival com o intuito de sensibilizarem os participantes a reduzirem a produção de lixo, sobretudo plástico. Nesta edição a organização do festival vai ainda entregar a todos os participantes um “welcome kit”, composto por  
Sendo a produção de lixo uma das preocupações da organização deste evento bienal, o Boom Festival vai distribuir nesta edição por cada participante um ‘welcome kit' composto por um sabonete biodegradável para evitar a poluição da água, dois sacos para separação dos resíduos que produzem ao longo da sua permanência no festival e um cinzeiro portátil.
Na edição de 2018, o Boom Festival apresenta ainda outras iniciativas amigas do ambiente, como a disponibilização de utensílios biodegradáveis na restauração, em substituição do plástico, de modo a que estes, juntamente com os resíduos orgânicos, possam ser encaminhados para compostagem, e ainda o reforço da produção de energia solar. Foram adquiridos mais 12 painéis solares que vão permitir ao “Boom” aumentar a capacidade da sua central de energia renovável, composta agora por 28 painéis.

  Redes Sociais   Facebook

2007—2018 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados