RCB/TuneIn
Domingo, 15 Jul 2018
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
SOCIEDADE
CONSTRUIR UM FUTURO QUE VALORIZE O PASSADO
Rádio Cova da Beira
√Č o lema que a nova presidente da junta regional da Guarda do Corpo Nacional de Escutas (CNE) quer concretizar no mandato que agora inicia. Na tomada de posse Sandra Bento sublinhou a necessidade de adequar aos novos tempos os ensinamentos deixados por Baden-Powell quando fundou o movimento escutista h√° uma centena de anos.
Por Paula Brito & Nuno Miguel em 27 de Jun de 2018

“Não esquecendo o que Baden Powell nos ensinou, queremos trabalhá-lo aos dias de hoje e adequá-lo àquilo que os jovens e crianças querem e ter um bom futuro na nossa região.”

A nova chefe regional do CNE pretende realizar um trabalho de grande proximidade com todos os agrupamentos mas simultaneamente criar condições que permitam reforçar a sua autonomia.

“Queremos trabalhar muito com os agrupamentos, precisamos que a Junta seja um elo de ligação a cada agrupamento e precisamos de agrupamentos unidos, porque o que está a faltar na região são os agrupamentos unidos.”

A falta de crianças e jovens no interior do país é um entrave a uma maior expansão deste movimento na região, reconhece Sandra Bento. Por isso há que saber encontrar novas formas de levar os jovens a integrar este projecto, que proporciona o desenvolvimento integral do ser humano baseado no escutismo católico.

“Temos agrupamentos em aldeias e vilas que estão cada vez mais desertificadas, e então temos que os cativar, fazer o nosso melhor durante estes três anos de mandato.”

Luís Pereira, José Miguel Carvalhinho, Regina Pereira, Miguel Silveira e Diogo Penha são os restantes elementos que integram a nova equipa da junta regional da Guarda do CNE. No que respeita aos restantes órgãos, António Machado preside à mesa do conselho regional e José Cerdeira ao conselho fiscal e jurisdicional. 


  Redes Sociais   Facebook

2007—2018 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados