RCB/TuneIn
Segunda, 19 Nov 2018
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
CULTURA
FESTIVAL Y 14 JÁ ARRANCOU
Rádio Cova da Beira
Um concerto a solo com Joana Guerra, no café concerto do Teatro das Beiras, deu o pontapé de saída à décima quarta edição do festival de artes performativas organizado pela associação “Quarta Parede”. Música, teatro, dança, fotografia e espectáculos para o público escolar são algumas das actividades que vão decorrer até ao próximo mês de Dezembro.
Por Nuno Miguel em 19 de Jun de 2018
Depois do espectáculo de abertura, o auditório do Teatro das Beiras recebe esta terça-feira um espectáculo de dança, com Leonor Keil, e depois disso as actividades só vão ser retomadas em Outubro. Uma opção que, de acordo com o director artístico do festival, se ficou a dever aos atrasos na assinatura dos contratos de apoio com a direcção geral das artes “nunca os concursos demoraram o tempo que demoraram este ano, o contrato de apoio só nos foi remetido na passada quinta-feira ao final da tarde e entre o fazer o programa, o período de férias e também a parte de dividir a casa com o Teatro das Beiras que também tem a sua actividade própria, decidimos realizar o festival em duas partes não saindo da linha contemporânea que é ai que nós sentimos bem e onde queremos continuar”.  
Rui Sena acrescenta que o festival Y continua a ter uma programação diversificada, por forma a abranger diversos tipos de público, e que anualmente continua a saber renovar-se “mais de metade dos participantes estão pela primeira vez no festival. É uma renovação que temos procurado fazer durante todas as edições que já permitiram trazer à região mais de uma centena de criadores. É um olhar diferenciado sobre o que é a construção da criação contemporânea em Portugal”.   
Este ano, a fotografia é inserida pela primeira vez no programa do festival, com uma residência dinamizada por Augusto Brázio e Nélson Aires. Uma aposta que vai decorrer sob o mote “Viagens na Minha Terra” e que vai culminar com a apresentação de dois trabalhos na edição do festival em 2019 “eles vão mapear essencialmente a cidade da Covilhã mas também o concelho e em 2019 vão ser apresentadas duas brochuras diferentes com o trabalho que eles vão fazer e queremos complementar essa actividade com um concerto. Para além disso eles também vão ministrar uma formação em fotografia e todos os interessados podem inscrever-se”.  

  Redes Sociais   Facebook

2007—2018 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados