RCB/TuneIn
Domingo, 23 Set 2018
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
DESPORTO
VALVERDE DE PRIMEIRA
Rádio Cova da Beira
O Grupo Desportivo de Valverde garantiu na tarde deste sábado o acesso ao mais alto patamar do futsal sénior feminino. A equipa do concelho do Fundão derrotou a equipa do Santa Clara dos Açores, por 6-3, num jogo que acabou por ser mais difícil do que se podia supor.
Por José Joaquim Ribeiro em 17 de Jun de 2018

Para além do acesso ao primeiro escalão do futsal nacional a equipa de Valverde vai disputar, já no próximo fim-de-semana, em Santarém, a fase final da Taça Nacional da categoria, tendo como adversárias as equipa que venceram as séries A,B e C, respetivamente: F.C. Águias de Santa Marta de Penafiel, Clube Desportivo de Ourentã de Cantanhede e F.C. Os Belenenses de Lisboa.

 

A equipa de Catarina Rondão tinha que vencer o jogo deste sábado se quisesse fazer a festa mas, contra tudo o que eram as espectativas, a equipa dos Açores chegou ao intervalo a vencer por 1-2. Era um resultado que não tinha correspondência com o que os dois emblemas estavam a fazer, mas a verdade é que perante uma gritante falta de eficácia das atletas de Valverde (remataram 34 vezes à baliza contrária), respondeu a equipa dos Açores (4 remates) com um pragmatismo pouco comum num jogo que tinha uma tendência bem vincada. O primeiro golo das forasteiras (auto-golo) aos 5’, nasce de uma reposição lateral. A bola foi colocada na área, Sheila tentou o desvio mas a bola acabaria por ser introduzida na baliza por uma jogadora de Valverde, dois minutos depois foi Joana Fraga a desviar uma bola que foi mal aliviada pela defesa da equipa da casa. A equipa de Valverde marcou, à passagem do minuto 17, por intermédio de Vanessa (um regresso em cheio, depois de 8 anos longe das quadras), a desviar ao segundo poste.

 

Apesar da equipa de Valverde não ter começado o jogo com a intensidade habitual, o desperdício foi por demais evidente, com todas as jogadoras a desaproveitarem situações flagrantíssimas para marcar.

 

Na segunda parte algumas coisas se alteraram, inclusive a eficácia, que passou a ser mais assertiva. Ao 26, Rute Duarte, foi bem lançada por pulga e na cara da guarda-redes açoriana não desperdiçou e colocou o jogo empatado a dois. Quatro minutos volvidos Valverde passa para a frente do marcador, com novo golo de Vanessa. Parecia que o mais difícil estava feito, mas, surpreendentemente, aos 35’ a equipa do Santa Clara volta a igualar o marcador com um golo de Sheila Araújo, que rematou de longe surpreendendo a guardiã Daniela Furtado.

 

Faltavam 5 minutos para o termo do encontro e o resultado não servia os intentos da equipa de Valverde. Apoiadas pelo público afeto, com cânticos incentivadores, ainda dentro do mesmo minuto 35 as comandadas de Catarina Rondão voltam para a frente do marcador com um golo de Rute Duarte na sequência de um livre frontal.

 

Com vantagem no marcador e com as jogadoras adversárias a darem sinais evidentes de fadiga, Valverde passou a gerir o tempo com muita posse de bola, no entanto, no último minuto do encontro foi possível vermos mais dois golos, o primeiro de Rute Duarte, que voltou a aparecer isolada e a não desperdiçar, fazendo mais um hat-trick e o segundo da autoria de Pulga. 6-3 foi o resultado final.

 

No final a equipa fez a festa da subida junto do seu público e todas as atletas foram cumprimentadas pela Vereadora da Câmara Municipal do Fundão, Alcina Cerdeira que à reportagem da RCB afiançou que não vai faltar o apoio necessário à presença de Valverde na primeira divisão nacional de futsal feminina.

 

Para Catarina Rondão o principal objetivo está alcançado mas como há uma fase final para ser disputada, a equipa vai estar preparada para lutar pelo título. Como bem disse: as finais são para vencer.

 

E a fase final da prova realiza-se em Santarém, já no próximo fim-de-semana, com as quatro equipas, Valverde, Belenenses, Ourentã e Águias Santa Marta a jogarem uma poule concentrada, sagrando-se campeã a equipa que somar mais pontos ou em caso de igualdade, que tenham melhores pressupostos nos critérios de desempate, determinados pelo regulamento desta competição.


  Redes Sociais   Facebook

2007—2018 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados