RCB/TuneIn
Quinta, 13 Dez 2018
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
POLÍTICA
FUNDÃO: JSD CONDENA “TENTATIVA DE SILENCIAMENTO E CENSURA”
Rádio Cova da Beira
A JSD Fundão acompanha "com atenção e preocupação" as declarações proferidas pelo líder da bancada socialista na AM Fundão, José Pina, e pela vereadora eleita do Partido Socialista, Joana Bento, relativamente ao discurso do Presidente da Comissão Política Concelhia da JSD Fundão na comemoração do 25 de Abril, em Alpedrinha, em representação da bancada municipal do PSD.
Por Paulo Pinheiro em 20 de May de 2018

 A Juventude Social Democrata diz ter escolhido remeter-se ao silêncio após as declarações do líder da bancada do PS na Assembleia Municipal do Fundão, José Pina, na última sessão do órgão, por considerar “serem resultado de uma escolha infeliz e pouco pensada de palavras, certamente consequência do calor do momento",

 

Após as declarações de Joana Bento sobre o tema, na passada reunião da câmara municipal, a JSD "vê-se forçada a condenar publicamente as tentativas de silenciamento e censura do discurso do 25 de Abril, que representam um ataque directo às novas gerações e aos jovens fundanenses".

 

A concelhia da JSD do Fundão defende ainda que o direito à diferença é um dos valores democráticos mais importantes conquistados com a revolução de Abril. "Significa tal, portanto, que devemos aceitar as opiniões contrárias com a mesma legitimidade que consideramos as nossas próprias", frisa.

 

Após José Pina e Joana Bento terem considerado o discurso “desadequado” à cerimónia que se celebrava, os jovens sociais democratas pedem ao Partido Socialista que lhes faça chegar "o Index de discursos e intervenções proibidas, já que ingenuamente acreditávamos que o tempo da censura tinha terminado a 25 de Abril de 1974".

 

A concelhia do Fundão da JSD convida o Partido Socialista, nas pessoas do líder da bancada da AMF e da vereadora na CMF, José Pina e de Joana Bento, a debater com a JSD Fundão, "de forma aprofundada e ideologicamente descomprometida, aquilo que representa Abril para as novas gerações, estando certos de que será uma forma de limpar a imagem de desrespeito para com os jovens fundanenses que ficou patente após ambas as intervenções".

 

A concelhia da JSD do Fundão salienta ainda " a deselegância com que a candidata do Partido Socialista, expressivamente derrotada nas passadas eleições autárquicas, se referiu à grande estrutura que é a Juventude Social Democrata," referindo que a cerimónia de Abril “não é um comício da JSD”, e fica a perceber  "que aceitar opiniões de vozes que não tenham cartão de militante do PS não é característico dos actuais agentes políticos locais".

 

A comissão política conclui o comunicado com uma citação de Mário Soares esperando que o Partido Socialista "respeite o seu fundador, já que não respeita as novas gerações nem os jovens fundanenses"

 

"Que continuem os nossos adversários com os seus processos historicamente condenados. Que cheguem às mais degradantes violências, às piores injúrias. Que sejam até ao fim vítimas de si próprios, das suas próprias naturezas e instintos. Nós saberemos manter-nos, serenamente, corajosamente. A consciência nacional, por mais adormecida que pareça, nos julgará - a nós e a eles. E venceremos."        

 


  Redes Sociais   Facebook

2007—2018 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados