RCB/TuneIn
Sábado, 23 Jun 2018
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
DESPORTO
ADF VENCE MÓDICUS
Rádio Cova da Beira
A Desportiva do Fundão, com uma grande exibição, venceu o 4º classificado da fase regular, por 4-2, no primeiro jogo dos 1/4 final do play-off do campeonato nacional da 1ª divisão.
Por José Joaquim Ribeiro em 19 de May de 2018

CAMPEONATO NACIONAL DA 1ª DIVISÃO - 1/4 FINAL DO PLAY-OFF

 

 

A.D.FUNDÃO 4-2 MODICUS

 

Já se joga no Pavilhão Municipal do Fundão.

 

2' 1-0 Gui. Canto cobrado por Mário Freitas, a bola foi ter com o pivot fundanense Gui que tirou um adversário do caminho e rematou para o fundo das redes. 

 

5' 2-0 Gui. Jogada pela direita, diagonal perfeita para o lado contrário, a bola ressalta num adversário e Gui aproveitou para fazer o segundo da ADF 

 

Intervalo no Municipal do Fundão com a Desportiva em vantagem, por 2-0.

 

Já se joga a segunda parte.

 

24' 3-0 Gui. Mais uma boa jogada ofensiva dos fundanenses concluída pelo homem do jogo. Gui apontou o 3º da sua conta pessoal e o 3º da equipa.

 

30' 4-0 Gui. Com pé quinte o pivot fundanense ganhou a posse de bola, quando o adversário jogava de 5x4, e atirou para o fundo das redes, fazendo o 4ª pessoal e colectivo.

 

38' 4-1 Tiago Soares. O Modicus manteve-se a jogar de 5x4, a bola chegou aos pés do ex-fundanense que rematou forte sem hipóteses para Iker.

 

40' 4-2 Coelho. A equipa de Sandim nunca desistiu de tentar o melhor resultado possível e foi com essa insistência que no último segundo da partida chegou ao segundo golo, numa bola que vem de um ressalto e que Coelho aproveitou muito bem. Logo a seguir terminou o encontro com a vitória fundanense, por 4-2.

 

A Desportiva do Fundão terá feito a melhor exibição da época, para o repórter da RCB que fez o relato. Na primeira parte os fundanense marcaram dois golos e deixaram mais outros tantos por marcar. A equipa entrou forte, conseguiu os dois golos logo nos primeiros cinco minutos e depois valeu a boa exibição do guardião Rui Pedro, que evitou males maiores para a sua equipa. Na segunda parte a equipa de Nuno Couto voltou a entrar muito bem e, passados quatro minutos ampliou, para 3-0. Este golo fez com que o técnico da equipa de Sandim, Ricardo Ferreira colocasse a sua equipa a jogar de 5x4. Esta estratégia pode ter duas leituras, uma a de não permitir que o adversário tenha posse de bola e amplie o marcador e outra, que é aquela que é mais utilizada e que visa jogar de forma mais ofensiva. Se na primeira opção a estratégia é não deixar o adversário jogar, a equipa que joga de 5x4 tenta fazê-lo sem falhas, não errando passes. Na segunda opção, como a necessidade é arriscar, as falhas são mais frequentes.  Neste caso, quem tem que defender tem que o fazer, sempre, com a máxima concentração e nesse capitulo os fundanenses estiveram bem e ainda puderam aproveitar para, numa das perdas de bola frequentes, fazerem o 4º tento da tarde. Os quatro golos dos fundanense foram apontados pelo pivot Gui, que realizou uma boa exibição, não apenas pelos golos apontados, mas sobretudo pela entrega ao jogo, uma exibição individual à qual se juntou a grande qualidade exibicional colectiva.

 

A Desportiva do Fundão sai em vantagem neste confronto mas no próximo sábado, pelas 18 horas os dois conjuntos voltam a encontrar-se, agora em Sandim, para se encontrar a equipa que segue para as 1/2 finais da prova. Se os fundanense vencerem passam de imediato às 1/2 finais, se o vencedor for o Modicus as duas equipas voltam a jogar no domingo, pelas 17h30., jogos com relato na RCB.

 

Nos outros dois confrontos que já se realizaram na tarde deste sábado, o Benfica foi a Carcavelos vencer a Quinta dos Lombos, por 4-2 . (A equipa que passar às 1/2 finais vai defrontar a Desportiva ou o Modicus) e o Sporting de Braga foi a Oliveira de Azeméis derrotar o Futsal Azeméis, por 4-6, após prolongamento (no tempo regulamentar registava-se uma igualdade a três golos).

 

O Repórter RCB Miguel Malaca falou com o Diretor Desportivo da ADF Paulo Nobre mque, para além de ter abordado a exibição da equipa neste jogo, colocou uma questão muito pertinente e que tem a ver com o castigo que foi aplicado ao atleta Eskerda, como treinador da equipa de futsal feminina, num jogo sem qualquer interesse competitivo. Para o dirigente fundanense a  AFCB, que cada vez tem menos equipas a disputar as competições de futsal, ao não fazer nada para proteger os clubes que têm responsabilidades em competições nacionais, está a contribuir para a Desportiva do Fundão não venha a inscrever a equipa de futsal feminina na próxima época. Pode ouvir aqui as declarações do dirigente fundanense .


  Redes Sociais   Facebook

2007—2018 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados