RCB/TuneIn
Domingo, 20 Mai 2018
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
POLÍTICA
FUNDÃO: “PS DESESPERADO POR DAR NAS VISTAS”
Rádio Cova da Beira
É a resposta do Partido Social Democrata à avaliação dos socialistas da conta de gerência de 2017 e à instalação no Fundão da Unidade de Medicina Nuclear.
Por Paulo Pinheiro em 30 de Apr de 2018

Em comunicado, o PSD do Fundão acusa o PS de “incapacidade gritante de apresentar ideias para o Fundão” e de ter vindo a público “tentar dar nas vistas da única forma que sabe: através de uma declaração ensaiada e sem direito a contraditório”.

 

Salientando “a grande confusão de papéis e funções entre eleitos e cargos partidários”, para os social-democratas fica claro “que para o Partido Socialista do Fundão o partido está acima dos órgãos eleitos e dos interesses do concelho. O Partido Socialista do Fundão, depois de ter sido outra vez derrotado de forma tão expressiva pelo povo do Fundão, não conseguiu ainda assimilar que no poder local o que mais importa são as pessoas”, sublinha.

 

A concelhia do PSD do Fundão destaca o facto de na véspera da realização da Assembleia Municipal, onde são analisadas as contas do município, entre outros assuntos, é que o Partido Socialista “resolve fazer uma declaração unilateral desvalorizando o papel deste órgão. Será que o PS não confia nos seus representantes nos órgãos municipais?”, questiona.

“Esta é uma forma de ver os partidos que descredibiliza a vida política e as pessoas e com a qual não nos identificamos”, aponta.

 

Quanto á dividia do município, o PSD reafirma que a mesma foi necessária “para recuperar de um atraso de décadas, essencialmente até 2012”, apontando a importância da consolidação orçamental em curso e as vantagens de diminuir o serviço da dívida e juros no futuro próximo.

 

Mas as críticas aos socialistas não ficam por aqui. Para concelhia do PSD, o PS demonstra ainda “uma grande falta de cortesia e humildade democrática”, relativamente ao processo da medicina nuclear

 

“Não há ninguém que ao longo dos últimos anos tenha lutado tanto pela instalação da Unidade de Medicina Nuclear no Fundão que o atual Presidente da Câmara Municipal, que foi quem colocou o tema na ordem do dia, chegando a ser parodiado por alguns, daí resultando a mobilização da comunidade incluindo de toda a Assembleia Municipal. Fica muito mal ao Partido Socialista colocar-se em bicos de pés arrogando-se a um processo que os ultrapassa em muito”, lê-se no comunicado.

 

Os social-democratas fundanenses apontam ainda o dedo ao PS pois “nem o facto de ser um investimento financiado pelo município do Fundão os limitou numa leitura sectária, atitude que felizmente não é acompanhada pela maioria dos Fundanenses socialistas, que primeiro são e serão sempre Fundanenses”,

 

 

A concelhia do PSD do Fundão desafia o Partido Socialista a alargar os horizontes, olhar para o Fundão e para o futuro, preparar as pessoas e propor ideias alternativas para o desenvolvimento do concelho. “Não lhes conhecemos nenhuma e isso faz muita falta em democracia”, conclui.

 


  Redes Sociais   Facebook

2007—2018 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados