RCB/TuneIn
Sábado, 24 Out 2020
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
SOCIEDADE
NENHUMA DECISÃO ESTÁ TOMADA
Rádio Cova da Beira
O secretário de estado da energia garante que não existe nenhum timing para que o governo decida sobre uma eventual exploração de lítio na Serra da Argemela. Em declarações à RCB, Jorge Seguro que todo o processo foi iniciado em 2012, antes de o actual governo assumir funções, e nenhum passo vai ser dado até que seja realizado um estudo de impacto ambiental sobre os efeitos que essa exploração pode trazer à região.
Por Nuno Miguel em 28 de Apr de 2018
“O próximo passo será, seguramente, uma avaliação de impacto ambiental e as populações vão ter informação de tudo o que está a ser feito através das autarquias. Não haverá aqui nenhuma surpresa. Esta concessão foi atribuída em 2012 e nós estamos a acompanhá-la para que todas as decisões sejam feitas em articulação muito próxima com os municípios e com total transparência”.
Ainda assim o governante refere que “o país não se pode dar ao luxo de desperdiçar os seus recursos mas esse aproveitamento tem de ser feito em conjugação de esforços, com informação e transparência, com as comunidades locais. É isso que tem sido feito. Repito que se trata de um processo de prospecção que começou em 2012 mas para passar à fase da exploração todos sabemos que tem de existir primeiro um estudo de impacto ambiental. Só ganhamos todos se todos tivermos o máximo de informação”.   
Jorge Seguro acrescenta que não vai haver qualquer surpresa em torno deste processo e encara como normal a contestação feita pelas populações de algumas das freguesias abrangidas, como é o caso de Silvares e do Barco “considero perfeitamente normal que as populações queiram ter mais informação e nenhuma decisão será tomada sem o envolvimento das autarquias e das comunidades locais. Não há nenhuma decisão tomada, estou sempre disponível para falar com as populações e com os presidentes de câmara, para partilhar informação, para que a decisão que venha a existir seja a melhor para a nossa região e para o nosso país”.  

  Redes Sociais   Facebook

2007—2020 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados