RCB/TuneIn
Segunda, 22 Out 2018
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
CULTURA
"PATRIMÓNIO CULTURAL: DE GERAÇÃO PARA GERAÇÃO"
Rádio Cova da Beira
É o lema deste ano do Dia Internacional dos Monumentos e Sítios (DIMS) cuja coordenação nacional está a cargo da Direção-Geral do Património Cultural (DGPC)que em colaboração com o ICOMOS Portugal, promove a divulgação deste tema com a finalidade de impulsionar o diálogo intergeracional. Entre outras actividades, o Museu dos Lanifícios da UBI promove um encontro sobre "A Vida na Fábrica".
Por Paulo Pinheiro em 12 de Apr de 2018

Para além de um dia com entradas livres nas exposições permanentes e temporárias, o Museu de Lanifícios conta com o apoio de antigos trabalhadores têxteis para a realização de um Encontro Intergeracional subordinado ao tema A Vida na Fábrica.

Nesse dia, na Real Fábrica Veiga, descobre-se como se trabalhava na fábrica. Com que idade se começava a trabalhar? Que funções, homens, mulheres e crianças, desempenhavam no mundo fabril? Que significados têm algumas expressões, como: “urdir”, “dar fios”, “empeirar”, “cerzir”, “esbicar”, “enfestar”. Junto a algumas das máquinas da exposição, serão estes trabalhadores a contar as suas histórias de vida no trabalho em torno da lã.


PROGRAMA

Exposições Permanentes “Da Manufactura à Industrialização dos Lanifícios” | Entradas gratuitas

// Tinturarias Pombalinas da Real Fábrica de Panos (Séc. 18) > Rua Marquês d’Ávila e Bolama, Covilhã

// Real Fábrica Veiga: Industrialização dos Lanifícios (Séc. 19-20) Calçada do Biribau, Covilhã
         Horário: 9h30 – 12h00 | 14h30-18h00
e

Encontros Intergeracionais : "A vida na fábrica"_ Conversas com antigos trabalhadores têxteis na Real Fábrica Veiga

No Trabalho | 09h30-11h00

Na Ultimação | 11h00-12h30

/Na Fiação | 14h30-16h00

/Na Secção de Fabricação | 16h00-17h30

  Redes Sociais   Facebook

2007—2018 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados