RCB/TuneIn
Segunda, 23 Abr 2018
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
DESPORTO
GRANDE PR√ČMIO ARRANCA A 13 DE ABRIL
Rádio Cova da Beira
De 13 a 15 de Abril está de regresso às estradas da região o grande prémio de ciclismo das Beiras e Serra da Estrela. A terceira edição desta prova é novamente organizada pela associação de municípios da Cova da Beira e vai contar com alguns dos nomes mais sonantes do panorama velocipédico nacional.
Por Nuno Miguel em 04 de Apr de 2018
A primeira tirada vai ligar Meda a Figueira de Castelo Rodrigo, a segunda faz a ligação entre Sabugal e Seia e na última etapa os ciclistas vão percorrer a distância entre Gouveia e a Guarda. 
Na apresentação do evento que decorreu em Vilar Formoso, o director da prova, Carlos Pereira destacou o potencial e a oferta turística desta região, como foco principal para o sucesso desta prova “espero que com o ciclismo e com o desporto se consiga alcançar uma maior divulgação da nossa região. Eu tenho alguns directores desportivos, nomeadamente espanhóis, que ficam maravilhados com as imagens e com a beleza deste território. Os ciclistas não ficam muito animados com a Serra da Estrela porque faz doer as pernas, mas isso é normal e é igual para todos. Felizmente estamos inseridos numa região muito bonita e na qual o ciclismo tem todas as condições para se praticar e, ao mesmo tempo, promover esta região”. 
A promoção da região das Beiras e Serra da Estrela é um dos grandes objectivos desta prova mas a vertente competitiva vai estar em grande destaque, como refere Sérgio Sousa, dirigente da federação portuguesa de ciclismo “na terceira edição temos já uma prova de nível internacional, reconhecida pela união ciclista, e que tem um forte impacto. Do nosso ponto de vista é um produto bastante atractivo e aquilo que espero é que tudo corra bem nesta edição e que no futuro ela possa continuar a ser uma realidade”.
Já o secretário geral da associação de municípios da Cova da Beira, José Manuel Biscaia, sublinha que a organização pretende dar a esta prova uma qualidade cada vez maior “se tudo correr bem, como nós esperamos, vamos ter aqui mais uma mostra da vitalidade da nossa região. Existe uma ligação muito forte entre as autarquias, a associação de municípios da Cova da Beira, a comunidade intermunicipal e a região de turismo do centro e com isso todos podemos ficar bem na fotografia. Pretendemos melhorar a nível organizativo em relação aos dois grandes prémios anteriores e vamos promover a já edição do próximo ano numa lógica muito forte de internacionalização, mostrando dessa forma o nosso espaço e é em prol das nossas comunidades que estamos novamente a organizar este grande prémio”.     
Na mente da organização está já o reforço da internacionalização desta prova que, a partir de 2019, pode ter o apoio financeiro do programa “Interreg” ao abrigo de uma parceria transfronteiriça com a deputação de Salamanca. 

  Redes Sociais   Facebook

2007—2018 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados