RCB/TuneIn
Segunda, 23 Abr 2018
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
CULTURA
"TENHO SIDO MUITO ACARINHADO NA COVILHÃ"
Rádio Cova da Beira
A Covilhã recebeu Ruy de Carvalho com um forte aplauso. O actor revisitou o palco do Teatro Municipal onde deu os primeiros passos na arte de representar.
Por Paula Charro em 20 de Mar de 2018

Antecipou o Dia Internacional do Teatro e deu a conhecer um livro de pensamentos que leva a sua assinatura. “ O Amor é Isto” é uma síntese de pensamentos que Ruy de Carvalho foi dizendo ao longo dos seus 90 anos e que uma editora decidiu colocar em livro. A obra tornou-se um pretexto para assinalar o Dia Mundial do Teatro, que se comemora no dia 27 deste mês, e para deixar um marco entre o Teatro Municipal onde o actor se estreou aos oito anos com a peça da carochinha e a futura sala de espectáculos que vai nascer das obras anunciadas pela câmara municipal.

Veio a propósito perguntar a Ruy de Carvalho a Ruy de Carvalho o que fica na sua memória do velho Teatro Cine e o que espera da remodelação

“ Foi onde comecei e depois trabalhei nos dois teatros, é que há um pelo meio cujo palco também ardeu. Agora há uma nova fase que vai avançar e que passa pela restauração e remodelação do antigo Teatro Cine.

Além de homenagens anteriores feitas por covilhanenses e pela câmara, Ruy de Carvalho vê o seu nome perpetuado numa placa colocada na parede do edifício onde viveu a sua infância. O texto refere apenas “ A riqueza está na nossa integridade moral”  e quando se pergunta ao actor o que pensa desta distinção fala da grande honra que ela significa

“É para mim uma grande honra. Agradeço imenso o carinho que me dão”, afirma.

Ruy de Carvalho passou cinco anos da infância na Covilhã começou a respirar teatro no palco da cidade neve de quem diz “é uma cidade com um frio quente” de onde parece que nunca saiu “há qualquer coisa que ficou em mim eterno é gostar de voltar à Covilhã e quando regresso parece que nunca de cá saí. Tenho sempre a necessidade de sentir este frio quente que a Covilhã tem. Um ar que faz tão bem à saúde”, defende.

Aos 91 anos sente-se na Covilhã como em casa e reconhece que a melhor recompensa é o carinho que recebe face à profissão que escolheu

“Estou a viver um momento excepcional da minha vida. Sinto-me maravilhosamente bem-disposto. Muito obrigado. Se me derem o vosso carinho sou o homem mais feliz do mundo e parece que esse não falta. Tenho sido muito acarinhado na Covilhã como em todo o país”.

A tarde foi passada ao som de música com alunos da EPABI e de declamações dos pensamentos que constam no livro ”O Amor é Isso” onde participaram dois alunos da Escola Campos Melo e os filhos do actor a jornalista Paula Carvalho e o actor João Carvalho.

“Há qualquer coisa que ficou eterno em mim: é gostar de voltar à Covilhã e quando regresso parece que nunca de cá saí.

Uma família da capital apaixonada pela Covilhã onde Ruy de Carvalho ganhou o gosto pelo teatro.  


  Redes Sociais   Facebook

2007—2018 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados