RCB/TuneIn
Terça, 11 Dez 2018
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
POLÍTICA
“A DESCONSIDERAÇÃO É NOTÓRIA”
Rádio Cova da Beira
A bancada do PSD na assembleia municipal da Covilhã desafia o presidente da câmara da Covilhã a “tornar públicos os motivos” que levaram à saída de Elisa Pinheiro do cargo de provedora do munícipe.
Por Nuno Miguel em 04 de Mar de 2018
Num comunicado também subscrito pela comissão política, os eleitos social democratas afirmam que “há quatro meses que os munícipes da Covilhã estão sem provedora e sem serviços de provedoria”. Desde que Elisa Pinheiro deixou o cargo “que os cidadãos do concelho estão impedidos de apresentar queixas ou reclamações dos órgãos e serviços municipais”.
O PSD “lamenta que o presidente da câmara da Covilhã despreze desta forma a saída daquela que foi a primeira Provedora do Munícipe do concelho. A desconsideração é notória e retira brilho à forma abnegada” como Elisa Pinheiro “desenvolveu esta actividade, assente em pilares sólidos de autonomia e imparcialidade”.
Os eleitos acrescentam que Elisa Pinheiro “foi provedora durante 20 meses continuando a ter todas as condições de elegibilidade para dirigir os serviços de provedoria do munícipe. A cessação do mandato da provedora e a ocultação desta decisão deve ser motivo de reflexão e preocupação. O mandato do provedor do munícipe coincide com os mandatos da assembleia e câmara municipal”. 
De acordo com o PSD “o nome do novo provedor deveria ter sido conhecido e validado na reunião de Dezembro de 2017 da assembleia municipal da Covilhã”. E regista que o assunto “volta a ficar de fora da agenda de trabalhos” da próxima reunião do órgão, sustentando que “os munícipes da Covilhã devem avaliar esta matéria e ficar a saber que continuarão impedidos de recorrer a alguém que os defenda perante os órgãos e serviços municipais”.
Neste comunicado, os eleitos do PSD da assembleia municipal da Covilhã anunciam que vão apresentar na próxima reunião do órgão, agendada para o dia sete de Março, “um voto de louvor a Elisa Pinheiro pela forma abnegada como desempenhou as funções de provedora do munícipe”.

  Redes Sociais   Facebook

2007—2018 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados