RCB/TuneIn
Segunda, 25 Jun 2018
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
POLÍTICA
OPOSIÇÃO CRITICA NOVO QUADRO DE PESSOAL
Rádio Cova da Beira
A Assembleia municipal de Penamacor aprovou por maioria, com os votos contra da bancada do movimento Penamacor no coração, a alteração ao quadro de pessoal que resultou da integração de 12 precários no quadro do município ao abrigo do programa extraordinário de regularização de vínculos precários na administração pública.
Por Paula Brito em 28 de Feb de 2018
 

Lopes Marcelo justificou o voto contra da bancada da oposição.

“Este quadro está incorrecto, incompleto e responsabilizamos o senhor presidente da câmara se levar este assunto para a frente sem o corrigir”.

O líder da bancada da oposição, enumerou, um a um, os trabalhadores em causa deixando como exemplo de incorrecção o caso de uma técnica com vínculo precário à Naturtejo que a câmara de Penamacor integrou no seu quadro de pessoal, segundo Lopes Marcelo, incorrectamente.

Por outro lado, o líder da oposição questiona porque motivo ao único electricista do município não faz parte do mapa, uma vez que, na sua análise, reúne todas as condições para isso.

Questões que ficaram sem resposta. António Beites disse à assembleia o que já tinha afirmado na reunião do executivo. Todos os casos, com enquadramento legal, foram integrados, sem excepção ou discriminação:

“O que apresentamos aqui são todos os que nos últimos três anos, sem qualquer excepção, têm enquadramento na lei nas categorias que a lei permite em função das suas habilitações literárias, com o mesmo tratamento para todos, não discriminamos ninguém, não são muitos trazemos todos os que são possíveis de enquadrar.”

O facto do presidente do município não responder directamente às questões levantadas por Lopes Marcelo, levou o líder da bancada da oposição a dizer que António Beites “politicamente, faz-se de morto.”  


  Redes Sociais   Facebook

2007—2018 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados