RCB/TuneIn
Terça, 14 Ago 2018
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
POLÍTICA
FUNDÃO: “MUNICÍPIO NÃO TEM CRÉDITO NA PRAÇA”
Rádio Cova da Beira
A câmara municipal do Fundão aprovou por maioria, com quatro votos a favor e dois contra, a contracção de um empréstimo bancário no valor de um milhão de euros sob a forma de conta corrente caucionada à caixa de crédito agrícola mútuo do Fundão e Sabugal.
Por Nuno Miguel em 07 de Feb de 2018
A proposta, que já fazia parte das grandes opções do plano e do orçamento para 2018, esteve em cima da mesa na última reunião pública do executivo, mereceu duras críticas por parte da bancada do PS. Para a líder da bancada socialista, Joana Bento “o município, pelas propostas que foram justificadas de uma forma muito simpática, é visto aqui como não tendo crédito. E isso é revelador do exercício que tem sido feito ao longo destes mandatos. Curiosamente a única que dá crédito ao município é aquela em que o presidente da câmara é também presidente da assembleia geral. Estas são questões que devem, ser apreciadas pelos sócios mas não poderíamos deixar de nos referir a elas. O município do Fundão não tem crédito na praça”
Críticas que o presidente da autarquia fundanense rejeita. De acordo com Paulo Fernandes a abertura deste crédito nada tem a ver com as funções que também desempenha na caixa de crédito agrícola. O edil refere que se tratou da proposta com condições mais vantajosas, nomeadamente na taxa de juro que foi apresentada “quando a taxa de juro diminui é porque a análise de risco é mais favorável e importa dar-lhe conta dessa questão. Quanto ao facto de, há vários anos a esta parte, ter sido a caixa de crédito agrícola a ganhar muitas vezes estas operações de curto prazo no quadro do município é um posicionamento que a própria caixa tem que vai muito para além das funções que actualmente exerço no órgão deliberativo como presidente da assembleia geral”. 

  Redes Sociais   Facebook

2007—2018 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados