RCB/TuneIn
Quarta, 17 Out 2018
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
POL√ćTICA
UBI: PSD QUESTIONA MINISTRO NO PARLAMENTO
Rádio Cova da Beira
O Partido Social Democrata questionou o Ministro do Ensino Superior sobre a situação de subfinanciamento denunciado pelo reitor da Universidade da Beira Interior.
Por Paulo Pinheiro em 02 de Feb de 2018

Esta quarta-feira, na audição do governante na comissão parlamentar de Educação e Ciência, na Assembleia da República, Álvaro Batista perguntou directamente ao ministro sobre a situação da UBI. O deputado social-democrata eleito pelo distrito de Castelo Branco, lembrou que a Universidade da Beira Interior tem o financiamento mais baixo por aluno do país (3 mil 534 euros), ou seja, 41 % mais baixo que na Universidade de Trás-os-Montes e 45% inferior à da Universidade de Évora que é de cinco mil e 100 euros.

A agravar a situação, está a decisão tomada pelo Ministério do Ensino Superior em Agosto de 2017

“Em Agosto, o Sr. Ministro cortou 180 mil euros à Universidade da Beira Interior. Este Governo, com o incumprimento que está a fazer dos contractos de associação, está a tornar mais pobres aqueles que já são mais os pobres e está a frustrar os compromissos que assumiu de defender o interior e de valorizar as instituições de ensino superior destas zonas. Tem ou não consciência do que se está a passar na UBI e vai ou não honrar os compromissos deste Governo de apoiar as instituições que ainda conseguem lá sobreviver?”, questionou.

 

Para Álvaro Batista quem promete pagar 15 e paga 10 não cumpre aquilo a que se obrigou e frusta as expetativas de quem esperava receber o valor acordado.

 

Sem nunca citar o nome da UBI, o Ministro do Ensino Superior juntou as perguntas de dois deputados do PSD e assegurou que não existem pagamentos em falta às universidades:

 

 “Volto a repetir que não há nenhum pagamento em falta. Todos os valores estão devidamente  confirmados e, por isso, temos reforçado o diálogo, mas a necessidade clara de reforçar aquilo que lançámos que foi um grupo de acompanhamento e monitorização e hoje também com a participação do Ministério das Finanças e com as próprias instituições”.

 

Manuel Heitor que, depois de ter reunido com os responsáveis dos politécnicos, encontra-se na próxima terça-feira com os reitores das universidades.


  Redes Sociais   Facebook

2007—2018 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados