RCB/TuneIn
Terça, 14 Ago 2018
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
POLÍTICA
PORTAGENS NAS EX-SCUTS: ABOLIÇÃO TARDA A CHEGAR
Rádio Cova da Beira
O Partido Comunista Português vai continua a estar onde sempre esteve: contra as portagens nas autoestradas do interior do país, disse esta segunda-feira no Fundão Paula Santos.
Por Paulo Pinheiro em 30 de Jan de 2018

A deputada comunista na Assembleia da República, que falava no final de reuniões mantidas com responsáveis de várias instituições, reafirmou a posição do Partido Comunista Português nesta luta contra as portagens nas ex-Scuts

 

“Vamos continuar a intervir para que se concretize a eliminação das portagens nas ex-Scuts porque está mais que confirmado que elas não fazem sentido. Apesar de bastante insuficiente, a redução é o reconhecimento que a medida foi errada”, defende.  

 

Para Paula Santos, embora insuficiente, a redução do valor das portagens foi o sinal do reconhecimento que a medida não faz sentido e é tempo das populações do interior continuarem a ser castigadas

 

“Creio que a população e a região não pode continuar a ser penalizada da forma como tem sido. Não é possível ouvirem-se diversas declarações quanto à necessidade da defesa e valorização do Interior, que necessita de uma política integrada para a resolução de um problema tão complexa e com a actual dimensão, mas depois deixa-se arrastar um assunto como as portagens que assume grande importância até para a mobilidade interna”, frisa.  

 

Nesta deslocação ao Fundão, a deputada do PCP reuniu com responsáveis da Santa Casa da Misericórdia do Fundão, da CPCJ Comissão de Protecção de Crianças e Jovens (CPCJ) e do Centro de Saúde do Fundão. A falta de recursos humanos e financeiros foi uma das tónicas encontradas por Paula Santos.  


  Redes Sociais   Facebook

2007—2018 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados