RCB/TuneIn
Domingo, 22 Abr 2018
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
SOCIEDADE
AFONSO GOMES TOMA POSSE
Rádio Cova da Beira
O novo presidente da direcção da AAUBI vai apresentar uma moção de contestação contra o subfinanciamento crónico da universidade da Beira Interior no próximo encontro nacional de dirigentes associativos. O compromisso assumido por Afonso Gomes na cerimónia de tomada de posse dos novos órgãos da associação académica.
Por Nuno Miguel em 10 de Jan de 2018
Nesta cerimónia, o novo líder directivo da associação académica afirmou que a educação é fundamental para captar jovens para o interior do país e a criação de emprego é determinante para a sua fixação. Por isso o constante défice no financiamento da UBI é inaceitável “se o ensino superior é a maior ferramenta de combate à interioridade como é que podemos admitir ter a universidade mais subfinanciada do país? É a única fora de uma capital de distrito, a maior fora do eixo Braga-Lisboa, não é admissível a perpetuação de uma fórmula de financiamento que não tem em conta o mérito e penaliza os que merecem mais. É um problema que já foi amplamente debatido mas não pode ser esquecido e por isso vamos submeter uma moção ao próximo encontro nacional de dirigentes associativos que orgulhosamente vamos acolher na Covilhã. Lutar contra o subfinanciamento é também lutar contra a desertificação e contra o despovoamento”.
Ao reitor da universidade, Afonso Gomes lançou também alguns desafios “devemos começar a equacionar a construção de uma residência para a faculdade das ciências da saúde, colmatando os pontos de saturação em época alta e aumentando a oferta para aqueles que muitos são forçados a deslocar-se de uma ponta da cidade para a outra. É importante que o preço da propina seja congelado e, se for possível, que diminua. É também necessário repensar os preços e a qualidade da oferta nas cantinas. É preciso que os estudantes tenham direito a preços mais baixos nos autocarros locais e que o passe jovem sub 25 seja reduzido, porque não faz sentido que um jovem tenha de pagar 30 euros para ir passar o fim de semana a casa.   
Reptos que o novo presidente da direcção da AAUBI também estendeu ao presidente da câmara da Covilhã “vamos solicitar o aumento do período das licenças especiais de ruído para o bar da nossa sede e nesse sentido vamos propor a realização de obras de insonorização com o objectivo de eliminar o excesso de ruído. Aproveito também para transmitir ao senhor presidente da câmara que o centro de inovação empresarial é um projecto que se deve materializar com celeridade e que disponha de aplicabilidade prática”. 
Na resposta aos reptos lançados o reitor da UBI, António Fidalgo, sublinhou que “um reitor tem de trabalhar intimamente e dar-lhe todo o apoio possível. Mas isso não significa facilitismos. Isso significa que estamos aqui para ter um ensino da maior qualidade. Isso é que faz uma universidade grande. Mas seria completamente míope pensar que a vivência universitária é apenas as aulas. Isso é completamente errado. A vida universitária é uma fase da vida de um jovem que o vai marcar para sempre”.   
Já o presidente da câmara da Covilhã, Vítor Pereira, garantiu à nova equipa directiva que “o município vai continuar a cooperar, como o fez no passado com os corpos sociais da AAUBI em muitas frentes de cooperação. Desde logo ao nível das infraestruturas onde há vários exemplos como a recuperação do pavilhão do Inatel ou a construção da escada pedonal junto ao elevador da Goldra. Também ao nível da mobilidade com a rede de bicicletas eléctricas ou da bilhética integrada que pode permitir descontos aos estudantes. E quando ao centro de inovação empresarial, é um dos projectos âncora do nosso plano estratégico de desenvolvimento urbano e a sua localização no centro da cidade prende-se justamente com a importância que ele pode ter para os jovens licenciados da UBI”.
No que respeita aos restantes órgãos sociais da associação académica, Joana Rodrigues preside à mesa da assembleia geral e Ricardo Mesquita ao conselho fiscal. 

  Redes Sociais   Facebook

2007—2018 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados