RCB/TuneIn
Sexta, 27 Abr 2018
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
SOCIEDADE
ASSS ADQUIRE ANTIGO BLACKOUT
Rádio Cova da Beira
A Associa√ß√£o de Solidariedade Social de Silvares (ASSS) vai adquirir o edif√≠cio onde funcionava o antigo BlackOut, na vila, para alargar o n√ļmero de camas que actualmente disponibiliza no Centro Comunit√°rio das Lameiras que abriu h√° cinco anos e tem a capacidade esgotada.
Por Paula Brito em 09 de Jan de 2018

“Pese embora termos um projecto de alargamento, constatámos que não há nos fundos comunitários, nos anos mais próximos, capacidade de financiamento da expansão  que pretendíamos, e portanto, surgiu esta oportunidade de adquirirmos um edifício que está desocupado há alguns anos, que se nos afigura como um bom negócio, que está em boas condições e só necessita de obras de adaptação.”

Segundo Carlos Jerónimo, presidente da direcção da Associação de Solidariedade Social de Silvares, o edifício vai funcionar como complemento do centro comunitário das Lameiras.

“Precisamos de alargar o número de camas, porque há procura, e o nosso leque de serviços, e também porque temos um conjunto de valências no centro comunitário que podem ser potenciadas. Por exemplo, este novo edifício pode partilhar os serviços de lavandaria, cozinha e administrativos, ao mesmo tempo que vai permitir a criação de oito a 10 postos de trabalho.”

O edifício vai ser adquirido por 250 mil euros, tem 900 metros quadrados de área coberta, para além dos terrenos envolventes, e a ideia é, numa primeira fase, criar ali 20 camas.

“Estamos a estudar a hipótese de instalação de novas 20 camas, depois temos também na cave, e essa é uma lacuna do Centro Comunitário das Lameiras não ter um espaço para fisioterapia e outras áreas desportivas ligadas à geriatria, portanto vamos ali instalar um espaço de saúde, e mais tarde, temos que fazer obras na piscina que esse edifício tem e onde queremos fazer uma piscina aquecida.”

A aquisição do edifício será concretizada este ano, as obras de adaptação deverão estar prontas no próximo ano.

Actualmente o centro comunitário das Lameiras tem 80 utentes em lar, centro de dia e apoio domiciliário, 20 crianças em creche e ATL e emprega 45 pessoas. A sua expansão para outro local da vila vai permitir criar mais oito a 10 postos de trabalho. 


  Redes Sociais   Facebook

2007—2018 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados