RCB/TuneIn
Domingo, 21 Out 2018
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
POLÍTICA
“NÃO FAZ SENTIDO IMPOR MAIS CUSTOS”
Rádio Cova da Beira
O fim das portagens na A 23 e na A 25 é uma medida que se apresenta como uma necessidade para o interior do país. Esta era a prenda que Luís Lourenço gostaria que a região desembrulhasse com a chegada do novo ano.
Por Nuno Miguel em 01 de Jan de 2018
“Fala-se muito em territórios de baixa densidade, em interioridade, na necessidade de combater o abandono do interior mas as portagens que nós temos na A 23 e na A 25 são um constrangimento ao desenvolvimento económico desta região e não faz sentido estar a impor mais custos quando aquilo que é preciso é apoiar o desenvolvimento regional que diga-se, em abono da verdade, que ele é bom não só para esta região mas para todo o país”. 
Outro desejo para o novo ano do líder da bancada da CDU na assembleia municipal do Fundão seria que o salário mínimo nacional alcance os 600 euros “600 euros para uma família vier não é grande valor. Vive-se com grandes dificuldades com um salário desse montante e eu gostaria que a classe empresarial compreendesse esta realidade e que também entendesse que a fixação desse valor do salário mínimo nacional é uma necessidade, é um acto de justiça e é algo que é possível fazer”. 

  Redes Sociais   Facebook

2007—2018 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados