RCB/TuneIn
Segunda, 18 Dez 2017
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
SOCIEDADE
EUROPE DIRECT DA COVA DA BEIRA CONTINUA
Rádio Cova da Beira
Com ou sem aprovação da candidatura a um novo ciclo de três anos, o centro de informação Europe Direct da Cova da Beira vai continuar a funcionar na Escola Profissional do Fundão, garante Luís Oliveira, o coordenador do centro e director geral da Escola.
Por Paula Brito em 03 de Dec de 2017
 

“Estamos a aguardar pelas decisões, mas independentemente das decisões, é ponto assente que a Escola Profissional do Fundão irá dar continuidade ao projecto, na eventualidade de não serem aprovadas as candidaturas, porque entendemos que é na fase de formação dos nossos jovens que podemos ganhar a ideia da importância da Europa nas nossas vidas.”

No final de Dezembro termina um ciclo de cinco anos de funcionamento do centro de informação Europe Direct na Escola profissional do Fundão com resultados muito satisfatórios, refere Luís Oliveira em jeito de balanço.

“A importância de trazermos a Europa a territórios como o nosso, de baixa densidade, com alguma dificuldade em acesso a meios de comunicação social, redes sociais, páginas web, porque estas regiões não fazem o usufruto deste tipo de tecnologia, é um trabalho que tem sido gradualmente ganho até porque o nosso centro era a primeira vez que estava no território, mas o balanço é inegavelmente muito satisfatório para nós”.

O centro de informação Europe Direct da Cova da Beira encerrou, na última sexta feira, uma candidatura iniciada há um ano, em conjunto com o centro de Aveiro, para promover o plano de investimento para Europa, com a entrega de prémios do concurso que contou com 54 fotografias, 20 das quais foram seleccionadas nas redes sociais, destas três foram escolhidas por um júri composto por um elemento de cada um dos 8 centros Europe Direct.

O primeiro prémio foi para a Madeira, o segundo para o Fundão e o terceiro para Aveiro. Todas as fotografias mostravam projectos apoiados por fundos europeus, sendo que no caso da vencedora do Fundão, Ana Rodrigues, o motivo da foto foi a electrificação da linha da Beira Baixa.


  Redes Sociais   Facebook

2007—2017 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados