RCB/TuneIn
Domingo, 22 Set 2019
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
DESPORTO
DISTRITAL DE CASTELO BRANCO
A 10? jornada do campeonato Distrital de castelo Branco proporcionou resultados que mexeram com a classifica??o geral, mantendo-se na frente o Pedr?g?o de S. Pedro que hoje venceu o Fund?o, por 1-0.
Por José Joaquim Ribeiro em 29 de Nov de 2009
O jogo mais importante desta ronda não podia ter sido mais equilibrado durante 89 minutos, com um único desequilíbrio, no último minuto, que tudo acabou por definir, afinal, frente a frente estavam duas das mais categorizadas equipas deste campeonato. A partida teve uma primeira parte que foi dominada pela equipa da casa, mas sem grandes sobressaltos para o guardião fundanense, na segunda parte a Desportiva apareceu com outra intencionalidade, teve um remate no poste, por Ricardo Fonseca, reclamou uma grande penalidade quando o jogo estava prestes a terminar, mas no último minuto, na sequência de um pontapé de canto aconteceu o tal desequilíbrio que esteve na origem da conquista dos três pontos por banda da equipa de Xana. Pedro Ferreira foi à área contrária saltar com tudo e todos e introduziu a bola na baliza dos fundanense, com estes a reclamarem carga sobre o guardião. Com este triunfo, conquistado quando poucos já acreditariam que pudesse acontecer a equipa de Pedrógão de S. Pedro ganhou vantagem sobre um adversário directo e lá se mantém na dianteira do campeonato.

A Atalaia do Campo tinha, também, uma tarefa difícil de ultrapassar, recebeu o Valverde, equipa do mesmo concelho, que cria sempre um clima de derby, todavia, a equipa comandada por Joca venceu e controlou quase sempre a partida. Marcou cedo, por Óscar Menino, aos 19’, manteve o jogo controlado e consolidou a vitória com um golo de Pina, após jogada de bom recorte técnico conduzido pelo corredor direito, com o aríete da Atalaia a não desperdiçar à boca da baliza. O Valverde, que nunca baixou os braços, chegou ao tento de honra, já em período de descontos, por Gonçalo, na sequência de um livre. Com esta vitória e a derrota dos fundanenses em Pedrógão a Atalaia ficou isolado no segundo posto da classificação geral.

Em Cernache do Bom Jardim o Vitória voltou aos triunfos com uma goleada sobre um adversário directo. A equipa de Simões Gapo superiorizou-se à formação do Teixosense com uma goleada de 4-0, com todos os golos a serem apontados por Santolini. O avançado do Sernache abriu o activo aos 19’, aumentou para 2-0, aos 34’ e na segunda parte repetiu a façanha, com golos aos 54 e 78 minutos. Este resultado permitiu ultrapassar o Teixosense, embora com os mesmos pontos e colocar-se entre os seis primeiros da geral.

O Águias do Moradal, que ganhou o gosto pelas goleadas, teve nesta jornada a possibilidade de oferecer aos seus adeptos mais um triunfo robusto. Era expectável que a equipa do Estreito viesse à Lardosa impor a sua superior valia, todavia, essa superioridade só se começou a evidenciar quando o relógio assinalava o tempo certo para o descanso. Foi aos 45’ que Edmilson conseguiu registar, com a obtenção do primeiro golo, a superioridade da sua equipa. Na segunda parte, como se esperava, a formação de António Belo aumentou para 2-0, com um remate de Esteves, que apanhou pelo caminho a cabeça do guardião contrário, antes de se anichar nas redes, aos 65’ foi Vieira que concretizou, após um livre estudado, fazendo o 3-0. A equipa da Lardosa ainda teve o seu tento, obtido por Edson, aos 72 minutos mas o Águias acabaria por fixar o resultado em 1-4, com um golo de David, com três minutos para além dos descontos. A equipa do Estreito ficou agora na terceira posição, a dois pontos do líder.

Quem também esteve muito bem nesta jornada foi o Oleiros. A equipa de José Ramalho contou com a inspiração de Norberto e conseguiu um resultado bastante desnivelado, perante o Vilarregense. O avançado do Oleiros abriu o activo aos 6 minutos e repetiu a façanha cinco minutos depois. Aos 11 minutos o Oleiros já vencia por 2-0, com golos de Norberto, mas antes do intervalo ainda teve ocasião para marcar por mais duas vezes. O 3-0 foi da autoria de Lúdvico, aos 22’ e o 4-0, de novo apontado por Norberto, foi assinalado aos 40’. Com a goleada garantida, na segunda parte os homens de Oleiros baixaram significativamente os índices de rendimento que tinham evidenciado na primeira parte, consentiram o tento de honra do Vilarregense e bem próximo do final lá marcaram o 5-1, com que terminou o encontro, por intermédio de Laranjo. Foi mais uma goleada neste distrital.

O Proença venceu a partida que realizou com o Unhais da Serra, por 1-0. Não foi nada fácil a tarefa dos comandados de Quim Manuel. O Unhais, tal como já aqui dissemos, esta a consolidar os seus processos defensivos, tapando muito bem os caminhos da sua baliza e isso, para os adversários, que vêm no jogo com o Unhais uma partida para vencer, sentem, durante o jogo, que têm que se empenar durante os 90 minutos para o conseguirem, foi o que se passou nesta partida, o Proença teve mesmo que se aplicar para somar o três pontos.

O Pedrógão de S. Pedro lidera o campeonato, com 24 pontos, segue na segunda posição a Atalaia do Campo, com 23, o Águias do Moradal com 22 é terceiro, a Desportiva do Fundão tem 20 e ocupa a 4ª posição, o Oleiros está na 5ª posição, com 17 e depois estão duas equipas a partilhar a 6ª posição, o V. Sernache e o Teixosense. O Valverde começa a ficar muito atrasado em relação aos seis lugares que dão passagem à segunda fase do campeonato.

A próxima jornada tem alguns jogos que despertam muito interesse, desde logo aquele que consideramos o jogo da jornada, o Águias do Moradal – Atalaia do Campo. Teixosense – Pedrógão, Fundão – Proença e Valverde – Oleiros são os outros jogos que podem mexer com a classificação geral. São jogos para acompanhar na RCB na tarde desportiva do próximo domingo.

  Redes Sociais   Facebook

2007—2019 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados