RCB/TuneIn
Sexta, 15 Dez 2017
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
SOCIEDADE
SPN REÚNE NA COVILHÃ
Rádio Cova da Beira
O reforço da aposta na formação dos profissionais vai continuar a ser a grande bandeira que a sociedade Portuguesa de neonatologia pretende continuar a hastear. O objectivo definido pela presidente daquela organização durante as últimas jornadas nacionais daquela especialidade que decorreram na Covilhã.
Por Nuno Miguel em 18 de Nov de 2017

Outras da categoria:

De acordo com Joana Saldanha “estas jornadas são sempre um momento muito importante na nossa sociedade mas onde não se esgota a nossa tentativa de formação. A neonatologia é uma ciência em constante transformação, temos tido muitas novidades ao longo dos anos e muitas melhorias na qualidade da nossa prática assistencial e por isso tentamos sempre estar a par das novas tecnologias por forma a formar os profissionais para que eles possam providenciar uma assistência cada vez melhor”. 
A neonatologia é uma das especialidades que desenvolve a sua actividade a par da pediatria. Sem querer criar uma separação entre as duas áreas, Joana Saldanha entende que deve ser reforçada a autonomia desta sociedade portuguesa “todos nós somos pediatras, a neonatologia é uma sub especialidade da pediatria e nós também não a vemos como algo em separado. No entanto justifica-se haver uma sociedade um bocadinho à parte para discutir os assuntos nitidamente neo natais”. 
A escolha da Covilhã para a realização destas jornadas foi justificada com o desenvolvimento de projectos na área da saúde que tem vindo a ser desenvolvido nos últimos anos. João Casteleiro, presidente do conselho de administração do centro hospitalar da Cova da Beira sublinha que “esta é uma área que nós preservamos e temos tido o cuidado de manter os seus níveis de qualidade. O nosso hospital é o único no interior do país que tem uma unidade de reprodução medicamente assistida e quando temos as coisas temos também de as saber valorizar. Naturalmente que isto não é um mar de rosas, custa muito trabalho a todos os profissionais que cá estão sempre com o objectivo de contribuírem para que em toda esta região a natalidade continue a aumentar e não estejamos condenados à desertificação”.

  Redes Sociais   Facebook

2007—2017 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados