RCB/TuneIn
Sexta, 24 Nov 2017
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
SOCIEDADE
"DANÇAR COM A DIABETES. UMA OPÇÃO PARA SI"
Rádio Cova da Beira
É o mote para a iniciativa que durante esta manhã de terça-feira, Dia Mundial da Diabetes, o ACES Cova da Beira e a Associação de Diabéticos da Serra da Estrela, como apoio da CMC, realizam no Centro de Ativ´Idades, no Sporting Shopping Center. A iniciativa decorre até ás 13:00H.
Por Paulo Pinheiro em 14 de Nov de 2017

Outras da categoria:

Rastreios, danças de salão, workshop e convívio marcam este evento que pretende, mais uma vez, alertar a população para a doença da diabetes "que anda esquecida da mente de muita gente. É preciso alertar as pessoas para os benefícios  da vigilância e prevenção para evitar complicações maiores", refere à RCB o médico Fernando Raposo.

os números são assustadores. A doença é silenciosa e por dia estão a ser identificados cerca de 200  portuguesas com a diabetes, que continua a aumentar em Portugal

. O peso a mais, a falta de exercício e a histórias familiar são factores  de risco da doença. "As pessoas não podem fazer como a avestruz e colocar a cabeça na areia. É preciso agir", defende o clínico. 

Este ano, a Organização Mundial de Saúde (OMS) destaca a doença no sexo feminino. Em Portugal, a doença atinge 10,9% das mulheres e mais de 15% das grávidas em diabetes gestacional.

Os dados do Observatório Nacional da Diabetes apontam para uma prevalência da diabetes, em 2015, de 13,3% da população entre os 20 e os 79 anos, o que corresponde a um milhão de portugueses. 

"As complicações da diabetes provocam muitos problemas e ajudam a gastar muito dinheiro ao erário público. Só para a diabetes são necessários por ano cerca de mil milhões de euros, 400 milhões dos quais são gastos em internamentos, que eram evitáveis se fosse feita prevenção, mas parece que as nossas forças políticas e públicas não estão muito interessadas em fazê-la porque não se vê", conclui.  

 


  Redes Sociais   Facebook

2007—2017 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados