RCB/TuneIn
Sexta, 17 Nov 2017
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
POLÍTICA
“O MUNICÍPIO CUMPRE A LEI”
Rádio Cova da Beira
Vítor Pereira garante que não vai convocar nenhuma reunião extraordinária do executivo para discutir o processo que envolve o presidente da câmara da Covilhã e o anterior presidente da assembleia municipal, Manuel Santos Silva, respeitante a um loteamento no Canhoso e que levou o ministério público a acusar os dois responsáveis pelo crime de prevaricação.
Por Nuno Miguel em 04 de Nov de 2017
Recorde-se que a situação levou o vereador do movimento independente “De Novo Covilhã” a enviar um requerimento ao presidente da autarquia onde exigia que o assunto fosse abordado numa reunião extraordinária do executivo. Carlos Pinto pediu ainda esclarecimentos no sentido de saber se a câmara municipal vai ou não constituir-se como assistente neste processo.
Questionado sobre o tema no final da última reunião privada do executivo, Vítor Pereira é peremptório “eu não tenho que responder ao senhor vereador o que quer que seja a esse propósito dado que a câmara municipal da Covilhã cumpre a lei e segue os trâmites que ela impõe. Não haverá lugar a reuniões extraordinárias, essa não é uma competência do executivo mas sim do presidente da câmara, e não é preciso realizar reuniões para se cumprir a lei. Nem é obrigatório que a câmara se constitua como assistente. Nós cumprimos a lei e nada mais tenho a acrescentar em relação a isso”.  
O vereador do movimento independente não marcou presença nesta reunião do executivo. Vítor Pereira refere que não lhe foi apresentada qualquer justificação para o efeito mas sublinha que Carlos Pinto ainda está dentro do prazo legal para o fazer. 

  Redes Sociais   Facebook

2007—2017 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados