RCB/TuneIn
Sexta, 05 Mar 2021
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
CULTURA
? AS BOTAS DO SARGENTO?
Um conto de Vasco Gra?a Moura inspirado na obra de Paula Rego e que a ACERT apresenta hoje, ?s 11:00 e ?s 14:30H, no audit?rio do Teatro das Beiras, na Covilh?.
Por Paulo Pinheiro em 18 de Nov de 2009

Era uma vez uma menina que calçou umas botas mágicas para ir a um baile. Nos seus pés as botas dançavam todas as danças, todos os passos…

A certa altura a Catarina já não tinha nenhuma vontade de dançar…mas as botas do sargento não a deixavam parar.

No seguimento de “ A menina que roubava gargalhadas” de Inês Pedrosa sobre a obra de Júlio Pomar e “Menina coração de pássaro”, de Luísa Dacosta, o Trigo Limpo Teatro Acert estreou mais um espectáculo baseado num livro do plano nacional de leitura. Conta-se a história de uma menina que depois de calçar umas botas mágicas não consegue parar de dançar. Um conto de Vasco Graça Moura inspirado na obra de Paula Rego.

Um espectáculo de formato portátil, que se destina a ser apresentado em espaços diminutos, não convencionais, nomeadamente salas de aula e bibliotecas, em uma componente diferente dos anteriores. Para além de levar o teatro a espaços onde habitualmente não existe, leva também, uma grande parte da obra da pintora Paula Rego, possibilitando que muitas crianças tomem contacto com a sua pintura.


  Redes Sociais   Facebook

2007—2021 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados