RCB/TuneIn
Segunda, 19 Out 2020
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
SOCIEDADE
“PROJECTO RETOMADO SE REGRESSAR"
Rádio Cova da Beira
Amândio Melo garante que se for eleito presidente da câmara de Belmonte no próximo domingo vai recuperar o projecto de construção da academia gimno daquele concelho. O compromisso foi assumido pelo candidato da coligação entre o PSD e o MPT no debate promovido pela RCB e que juntou à mesma mesa três dos quatro candidatos.
Por Nuno Miguel em 27 de Sep de 2017
Amândio Melo refere que essa estrutura pode ser um elemento importante para o reforço da actividade física, nomeadamente junto dos cidadãos mais idosos, e compromete-se a recuperar a ideia se for eleito “a obra estava em execução e na minha opinião é uma pena que não se tenha continuado e voltando lá pode ter a certeza de que a vamos construir, nem que seja só com os recursos próprios da câmara. É um equipamento que faz falta, previa a natação e a hidroginástica para idosos. É uma unidade polivalente e que tinha todas as condições à escala de Belmonte”. 
Já o candidato da CDU, Tiago Cunha, entende que o concelho está carente de uma infraestrutura com estas características e apresenta como alternativa a cobertura da actual piscina municipal “essa é uma das proposta que temos para apresentar uma vez que ela diz respeito à qualidade de vida. Neste caso em concreto estamos a falar dos jovens que podiam recorrer a esse equipamento para ter aulas de natação ou de manutenção física para os nossos idosos. Não se pretende gastar rios de dinheiro com esta obra mas sim potenciar aquilo que já existe”. 
Recorde-se que a obra chegou a ser iniciada na parte inferior do edifício do antigo mercado, mas acabou por ser suspensa pelo actual executivo, que avançou com a requalificação da parte superior do edifício onde actualmente está a funcionar o balcão do cidadão.António Dias Rocha, candidato do PS, refere que essa oferta pode vir a ser disponibilizada no âmbito da nova unidade hoteleira que vai ser construída no concelho e cabe à autarquia, dentro da sua política de apoios sociais, permitir o seu acesso a todas as populações “esse pode vir a ser um apoio social? Durante este mandato aumentámos substancialmente os apoios às famílias mais desfavorecidas. Eu não acredito que a pessoa que ganha 700 euros por mês queira ir para a natação mas se calhar pretende que os filhos tenham essas aulas e então nós estaremos dispostos a apoiar”.
Um debate em que não marcou presença o candidato do CDS/PP.

  Redes Sociais   Facebook

2007—2020 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados