RCB/TuneIn
Terça, 17 Out 2017
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
SOCIEDADE
USCB RECLAMA PLANO DE EMERGÊNCIA PARA O DISTRITO
Rádio Cova da Beira
Direc√ß√£o da Uni√£o de Sindicatos de Castelo Branco (USCB/CGTP-IN) prop√Ķe o lan√ßamento de um Plano de Emerg√™ncia para o distrito e Castelo Branco.
Por Paulo Pinheiro em 20 de Sep de 2017

Para aquela estrutura sindical, a calamidade dos incêndios, que praticamente destruiu a floresta do distrito de Castelo Branco, e a ausência de resposta do Governo à exigência de abolição das portagens nas ex. SCUTs, “recoloca na primeira linha a necessidade de medidas de emergência para atenuar os seus efeitos e ao mesmo tempo relançar a actividade económica regional, numa perpectiva inter-regional e não apenas tendo por base um determinado território concelhio”, defende a USCB.

Para a União de Sindicatos, está demonstrado que o Programa Nacional para a Coesão Territorial (criado no âmbito da Unidade de Missão para a Valorização do Interior) “é insuficiente nas medidas, limitado nos meios e até agora ainda não deixou de ser propaganda”.

“A inscrição de medidas avulsas num documento não faz uma política para o Interior do País e a dependência à vontade dos ministros limita-lhe os poderes, tira-lhe eficácia e torna curtas, centralistas e até paternalistas as políticas para o interior”, sublinha.

A USCB assegura que em breve procede à actualização das suas propostas, tendo por base as medidas inscritas no Plano de Desenvolvimento e Progresso aprovado no sétimo congresso da USCB/CGTP-IN.

“Não vamos assistir, sem nada fazer, à destruição dos nossos recursos e ao continuado despovoamento das nossas terras”, avisa a direcção da União de Sindicatos de Castelo Branco.

A proposta de lançamento de um Plano de Emergência para o distrito e Castelo Branco, que o coordenador da União de Sindicatos Luís Garra, defendeu no programa RCB "Flagrante Directo", do passado mês de Agosto, é dirigida ao Governo, ao Coordenador da Unidade de Missão para a Valorização do Interior e também a todos os candidatos autárquicos aos onze municípios do distrito (Belmonte; Castelo Branco; Covilhã; Fundão; Idanha; Oleiros; Penamacor; Proença-a-Nova; Sertã; Vila de Rei; Vila Velha de Ródão), esperando a USCB que se pronunciem sobre a mesma.

 


  Redes Sociais   Facebook

2007—2017 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados