RCB/TuneIn
Quarta, 23 Set 2020
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
SOCIEDADE
ALUNOS DA EPF DESENVOLVEM CHINELO INOVADOR
Rádio Cova da Beira
Alunos da Escola Profissional do Fundão (EPF) desenvolvem produto inovador com caroços de cereja, cortiça e burel. A ideia surge no âmbito de uma candidatura que quatro alunos do curso técnico de comércio apresentaram ao Junior Archievement Portugal, a fundação que desenvolve programas para promover o espírito empreendedor dos jovens.
Por Paula Brito em 29 de Mar de 2017

“A ideia começou pegando num produto endógeno da nossa região que é a cereja, já tínhamos ouvido falar das almofadas dos caroços de cereja e então pegamos nesse sub-produto, o caroço porque tem propriedade de retenção de temperatura e propriedades terapêuticas, e decidimos desenvolver a palmilha de caroços de cereja, no entanto, como vai ter um tamanho diferente das restantes palmilhas decidimos fazer um chinelo”.

Trata-se de um chinelo de sola em cortiça, palmilha com caroço de cereja revestido a burel, e com vantagens que o tornam inovador “é diferente porque a palmilha é a amovível do chinelo, pode ser colocada no microondas para aquecer durante um minuto e as pessoas ao terem os pés quentes têm o corpo todo quente, para além da massagem nos pés provocada pelos caroços de cereja”.

Sandra Paulino, Patrícia Ramos, João Matos e Neusa Betão, o grupo de jovens da Escola Profissional do Fundão que está a desenvolver um chinelo diferente que junta caroços de cereja, cortiça e burel “estamos a desenvolver o design do chinelo, já temos parcerias estabelecidas, grandes parcerias, o nosso fornecedor de cortiça é a corticeira Amorim, líder mundial de cortiça, a Burel Factoring que nos tem fornecido o burel, vamos fazer testes e ver se resulta ou não”.


  Redes Sociais   Facebook

2007—2020 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados