RCB/TuneIn
S√°bado, 19 Out 2019
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
SOCIEDADE
ALARGAMENTO DO LAR √Č OBJECTIVO
Rádio Cova da Beira
O provedor reeleito da Santa da Casa da Misericórdia de Alpedrinha afirma que o alargamento do lar para a antiga Estalagem de São Jorge foi a principal razão para se recandidatar ao cargo. Carlos Bragança vai cumprir o quarto mandato à frente dos destinos daquela instituição.
Por Paulo Pinheiro em 30 de Dec de 2016

O projeto está concluído, tem autorização da Segurança Social, e espera pela luz verde da Autoridade Nacional de Protecção Civil. DEpois de aprovado na câmara municipal do Fundão vai ser candidatado ao programa Portugal 2020.

Não sendo vital para o futuro da instituição, Carlos Bragança sublinha  a importância que o projeto assume no aumento da qualidade de vida dos utentes e de funcionários

" Esta obra vai proporcionar uma melhor qualidade de vida aos utentes e às próprias funcionárias porque ficamos com dois edifícios com cerca de 150 metros de frente onde as pessoas podem andar à vontade e sem qualquer perigo", explica.

O alargamento da estrutura contempla a construção de sete quartos, que acolhem no máximo 14 pessoas "com a proliferação de lares em várias localidades, e no concelho do Fundão já há bastantes, a preocupação não é tanto com o número de camas mas com a melhoria da qualidade de vida das pessoas que estão na nossa estrutura", afirma aquele responsável.

O atual lar e a antiga estalagem, que grande parte da actual estrutura é aproveitada, ficarão ligados em dois locais permitindo dessa forma a circulação entre os espaços. De acordo com Carlos Bragança, para mais tarde, fica a criação de salas de ginástica e de fisioterapia, embora o espaço para estas duas valências esteja contemplado no projeto.   


  Redes Sociais   Facebook

2007—2019 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados