RCB/TuneIn
segunda, 26 set 2022
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
SOCIEDADE
FALECEU ARLINDO DE CARVALHO
Rádio Cova da Beira
Arlindo Duarte de Carvalho, natural da Soalheira (Fundão), faleceu na madrugada passada, em Lisboa, vitima de doença súbita. Tinha 86 anos, feitos no dia 27 de Abril, foi autor e compositor e fica sobretudo conhecido por temas populares como “Chapéu Preto”, “Oh Castelo Branco”, “O Comboio da Beira Baixa”, “Fadinho Serrano” ou “Trova da Guarda”.
Por Paulo Pinheiro em 26 de Nov de 2016

Outras da categoria:

Autor de muitos fados e canções de Amália Rodrigues. Temas populares levados pelas vozes e mãos de outros músicos como Luís Piçarra, Maria de Lurdes Resende, Júlio Pereira, Nuno da Câmara Pereira ou Armando Guerreiro.

Foram centenas os artistas que cantaram a sua música e mais de mil composições escritas, e uma grande parte já gravadas em CD. 

Familiar de Proença de Carvalho. foi professor no Porto, em Lisboa e ainda na Alemanha e França, onde esteve exilado e foi leitor de português a partir de 1965 no Liceu Henrique IV de Poitiers. Estudou na Academia de Amadores de Música, de Lisboa. Estreou-se como cantor em Paris em 1966. Participou em programas de rádio e televisão em Paris, Hamburgo, Berlim, Munique e foi convidado por Olof Palme na campanha eleitoral do Partido Social Democrata da Suécia de 1976 e 1979. 

Uma das últimas homenagens foi feita em Maio deste ano precisamente em Soalheira ( ver notícia da RCB "Arlindo de Carvalho Homenageado em Soalheira".

O corpo de Arlindo de Carvalho chega segunda-feira à Soalheira. À família enlutada, a RCB endereça sentidos pêsames 

 

 

 


  Redes Sociais   Facebook

2007—2022 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados