RCB/TuneIn
Segunda, 25 Jan 2021
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
SOCIEDADE
"TEM FALTADO UM LOBBIE PARA DEFENDER A SERRA DA ESTRELA"
Rádio Cova da Beira
O presidente da direção da Associação Cultura dos Amigos da Serra da Estrela, José Maria Saraiva, entende que esse papel podia ser desempenhado pelas câmaras de Covilhã, Seia e Manteigas que até hoje nunca apresentaram qualquer ideia ou proposta para o maciço central
Por Paula Brito & Paulo Pinheiro em 27 de Aug de 2016
 

“Tem que haver um lobbie com força para defender a Serra porque até ao momento, nestas três décadas ligado à ASE, não vimos ainda, e temos pena, uma proposta de um município muito menos de três. Falo dos municípios da Covilhã, Manteigas e Seia dado que a Torre confina com estes concelhos. O grande problema que tem a Serra está na Torre e gostaríamos que estas três câmaras se colocassem de acordo e pensassem uma estratégia comum para aquele ponto (Torre) ”, disse o dirigente associativo.

Em entrevista à RCB o presidente da direcção da Associação Cultural dos Amigos da Serra da Estrela entende que as acessibilidades são o principal constrangimento da serra mas há muito que a associação tem propostas concretas para resolver o problema

“Defendemos que o actual traçado seja melhorado e rectificado para encurtar distâncias. Ligando a A23 ao nó de Vila Cova à Coelheira (Seia) é possível que essa estrada fique com 41 Kms, ou seja, menos dez do que a actual via da Torre, construindo o túnel de Alvoaça, que ligaria Erada- Unhais à Serra à zona de Alvoco. Esses três ou quatro quilómetros de túnel iria poupar 22 ou 23 Kms de estrada”, sustenta.

A associação defende a construção de um teleférico como forma de resolver o problema das acessibilidades à torre

“Arranjar meios alternativos de levar as pessoas à Torre e o que defendemos é a construção de um teleférico, sei que isto é um drama porque já lá esteve um e não funcionou porque foi mal projectado, na zona do Covão de Ferro, cujo vão é metade do outro, e pode levar em cada viagem 140 pessoas. Assim levaríamos as pessoas ao ponto mais alto da Serra para desfrutar da neve, sem levarem plásticos e com toda a indústria turística a pensar na conservação e no lazer. Passaríamos a ter pessoas em cima da neve a brincar e não automóveis”, defende José Maria Saraiva.

 

As propostas da Associação Cultural dos Amigos da Serra da Estrela.    

 


  Redes Sociais   Facebook

2007—2021 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados