RCB/TuneIn
Quinta, 14 Nov 2019
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
SOCIEDADE
DERGUI SELADA.
Com cerca de 30 mil euros de d?vidas, a empresa de confec??es Dergui, na vila do Pa?l, foi selada em processo judicial. O encerramento deixa mais de cinquenta pessoas sem trabalho.
Por Paulo Pinheiro & Miguel Malaca em 21 de Nov de 2007
O Ministério do Trabalho selou as portas da empresa Dergui. A unidade de confecções de calças, situada na zona industrial do Paul – concelho da Covilhã, encerrou por ordem judicial num processo de execução de dívidas superiores a 30 mil euros. Os cerca de 50 trabalhadores  sabiam dos problemas financeiros mas “ninguém esperava este desfecho” confessa Elisabete Lopes, trabalhadora na empresa há catorze anos. Ao longo dos últimos anos a unidade conheceu diversas denominações e administrações, mas segundo Elisabete Lopes “ não conhecemos o patrão, ninguém dá a cara”.  A empresa não deve salários aos funcionários, mas há subsídios em atraso “ o de férias do último Agosto e 225 euros do Natal de 2006”. Elisabete Lopes não consegue explicar o motivo do encerramento da unidade fabril afirmando que “ a instabilidade começou há cerca de dois anos”. Para sexta-feira está marcado um plenários de trabalhadores, com a presença do sindicato têxtil da Beira Baixa, para esclarecer a situação.

  Redes Sociais   Facebook

2007—2019 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados