RCB/TuneIn
Segunda, 17 Dez 2018
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
SOCIEDADE
ACIF: NOVOS ÓRGÃOS TOMAM POSSE
Rádio Cova da Beira
O novo presidente da associação comercial e industrial do Fundão pretende ter a funcionar, nos próximos 30 dias, o conselho estratégico da ACIF. O prazo foi estabelecido por Carlos São Martinho Gomes na cerimónia de tomada de posse dos novos órgãos sociais da associação.
Por Nuno Miguel em 29 de Apr de 2016

O novo líder directivo mostra-se convicto de que esse organismo, cuja constituição está prevista nos estatutos, pode ajudar a direcção a encontrar as melhores estratégias para a dinamização empresarial do concelho “queremos que ele possa abrir um pouco à sociedade civil aquilo que é a actividade empresarial; queremos que esse trabalho seja conjugado com um determinado tipo de personalidades o modelo de crescimento que queremos ter, tanto no território como na actividade empresarial. É um órgão que pode reunir uma ou duas vezes por ano, dependendo da disponibilidade dos seus membros, e que eu reputo de muito importante para termos uma visão mais estratégica e alargada do que normalmente os dirigentes de empresas tem do mundo globalizado que cada vez mais temos”.    

Promover visitas a todos os associados e apoiar os projectos de dinamização da zona industrial do Fundão que a câmara municipal está a promover são outros dos objectivos. Carlos São Martinho manifestou mesmo a disponibilidade da ACIF para estabelecer parcerias com a autarquia tendo em vista a dinamização dos parques industriais de Silvares e da Soalheira “podemos ajudar a que a sua divulgação seja feita mais no âmbito empresarial, entre os diversos organismos em que a associação comercial está presente, e que num leque de empresários mais abrangente dentro das particularidades de cada parque conseguirmos atrair determinados tipos de investimento. Aquilo que nós manifestámos foi a nossa disponibilidade para colaborar nessa divulgação e conseguir até, no quadro mais global do «Portugal 20 20» também alguns apoios que possam motivar alguns agentes locais a quererem instalar as suas unidades nestes parques por forma a diversificar também o território e potenciar o investimento que foi feito”.

O novo presidente da ACIF alertou ainda para o elevado valor das portagens, que aumenta de forma considerável os custos de contexto para as empresas. Carlos São Martinho espera que a promessa de diminuição desse valor possa dar resposta às verdadeiras necessidades da região “eu espero que este valor, no mínimo, tenha em conta o nosso índice de poder de compra no todo nacional o que significa que eu prevejo uma descida de preços na ordem dos 35 a 40 por cento”.

Também presente nesta cerimónia o presidente da câmara do Fundão sublinhou a importância de a nova estrutura dirigente poder conectar a actividade dos sectores mais tradicionais com os do sector da inovação que tem vindo a ser dinamizado. Paulo Fernandes espera que “isso ajude as empresas, as torne mais competitivas e mais abertas àquilo que é a economia local, regional, do país e até a nível internacional e também uma coisa que é muito sensível no nosso concelho e em que a associação tem um papel central que é a interligação entre os sectores e as actividades mais tradicionais com os sectores mais inovadores e com os novos investidores que vem para o nosso concelho. Essa interligação é fundamental para nos sentirmos coesos e também sentirmos que pertencemos todos a um mesmo projecto”. 

No que respeita à composição dos restantes órgãos sociais, Paulo Ribeiro preside à mesa da assembleia geral e Carlos Couto ao conselho fiscal. 

  Redes Sociais   Facebook

2007—2018 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados