RCB/TuneIn
Sábado, 15 Dez 2018
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
CULTURA
CMC APOIA CLUBE UNIÃO A ORGANIZAR ACERVO DOCUMENTAL
Rádio Cova da Beira
A câmara municipal da Covilhã vai dar apoio técnico ao Clube União daquela cidade tendo em vista a catalogação de todo o espólio de uma das mais antigas agremiações do concelho.
Por Nuno Miguel em 28 de Apr de 2016

As duas instituições assinaram um protocolo de cooperação, integrado no programa das comemorações do 25 de Abril, e que de acordo com o presidente da direcção do clube vai permitir realizar um trabalho que, de outra forma, levaria muitos anos até estar concluído “viemos encontrar toda essa documentação toda amontoada como livros de actas, contabilidade e os anos são muitos. Nós levaríamos muitos anos para conseguir deixar tudo em ordem e em sequência para se saber a história deste clube, que é o mais antigo da cidade, e por isso este protocolo vai-nos permitir que esse trabalho de organização seja feito com todo o rigor e num espaço de tempo mais curto”.

Carlos Roseta acrescenta que a realização deste trabalho tem como outro grande objectivo divulgar o património do clube união que, durante muitas décadas, foi considerada como uma agremiação elitista “o nosso clube tem muitos anos mas nunca teve uma grande divulgação e por isso nós também pretendemos dar a conhecer todo o nosso património; durante algum tempo criou-se a impressão de que este era um clube de elite e de empresários e isso não é bem assim. Poderá ter havido anos em que ele esteve mais restrito, mas nessa altura havia estatutos muito rígidos, era difícil as pessoas tornarem-se sócias mas tudo isso evoluiu com os anos e há que mudar essa ideia e também dar a conhecer o património que temos”.

Já o presidente da câmara da Covilhã sublinha que a história do clube união se cruza com a história da cidade e é importante poder preservar o seu espólio e dá-lo a conhecer às futuras gerações. Vítor Pereira manifesta ainda o desejo de ver a história do Clube União publicada em livro assim que o trabalho de catalogação esteja concluído “é muito importante que nós façamos a história da Covilhã em paralelo com a história deste clube que é uma das facetas da história da nossa cidade. Temos a história mais ligada aos sindicatos, ao movimento associativo popular; este tem um pendor mais popular, mais ligada aos profissionais liberais, aos comerciantes, aos industriais e também isso faz parte da nossa história. Não queremos reescrevê-la mas sim conta-la e para isso temos que contar com a disponibilização deste acervo para que seja catalogado e analisado e depois objectivado numa obra escrita que nos possa dar a conhecer as experiências que aqui se viveram”. 

  Redes Sociais   Facebook

2007—2018 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados