RCB/TuneIn
S√°bado, 24 Out 2020
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
POLÔŅĹTICA
BARRAGEM DO ALVITO: CDS QUESTIONA GOVERNO
Rádio Cova da Beira
Um grupo de deputados do CDS-PP questionou o Governo sobre o cancelamento da constru√ß√£o da barragem do Alvito. Na pergunta enviada ao ministro do Ambiente, os deputados Jo√£o Rebelo, √Ālvaro Castello-Branco, Patr√≠cia Fonseca, Ant√≥nio Carlos Monteiro e Abel Baptista querem saber quais foram, concretamente, as raz√Ķes que levaram √† decis√£o de cancelamento da constru√ß√£o da barragem do Alvito.
Por Paulo Pinheiro em 26 de Apr de 2016

A pergunta surge na sequência do anúncio recente, pelo Governo, de que estava a reavaliar o Programa Nacional de Barragens e da decisão de cancelar a construção das barragens do Alvito e de Girabolhos, suspender por três anos a barragem do Fridão e manter a construção da barragem do Tâmega.

Os deputados do CDS-PP querem também saber se o Governo já avaliou e ou está a estudar a implementação de medidas de compensação para as comunidades atingidas com esta decisão, atendendo às legítimas expetativas que foram criadas com tal projeto, e se pode garantir que o cancelamento da construção em causa não terá qualquer custo para o erário público.

Destacando que o interior do país, em particular o distrito de Castelo Branco, é uma região carente de investimento, o CDS-PP entende "que só com esse mesmo investimento é possível criar a riqueza necessária à fixação das pessoas, em particular dos mais jovens".

Para os centristas, o projeto da barragem do Alvito gerava expetativas deveras importante para os concelhos de Vila Velha de Ródão e Castelo Branco "podendo estender sinergias a outros municípios limítrofes, sendo que, com o cancelamento desta barragem ficaram em causa, nomeadamente, a produção de energia e centenas de postos de trabalho", afirmam.

 


  Redes Sociais   Facebook

2007—2020 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados