RCB/TuneIn
S√°bado, 06 Jun 2020
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
POLÔŅĹTICA
ITM: PENAMACOR NO FUNDO DA TABELA
Rádio Cova da Beira
O Munic√≠pio de Penamacor est√° ¬ďno fundo da tabela¬Ē no estudo sobre o √ćndice de Transpar√™ncia Municipal (ITM) que mede o grau de transpar√™ncia das C√Ęmaras Municipais atrav√©s de uma an√°lise da informa√ß√£o disponibilizada aos cidad√£os nos seus web sites, lamentou V√≠tor Gabriel na √ļltima reuni√£o p√ļblica o executivo.
Por Paula Brito em 25 de Mar de 2016
Segundo o vereador da oposição, da listagem de 308 municípios, Penamacor surge no lugar 278, “diria ainda que relativamente aos resultados obtidos para os vários anos, a posição de Penamacor tem piorado. Esta má posição é resultado da informação facultada aos munícipes no âmbito de planos e relatórios e principalmente em função da dimensão contratação pública”.

Sobre este último tema, Vítor Gabriel aproveitou para solicitar ao presidente da câmara que divulgue toda a informação do concurso que está a decorrer para recrutamento de cinco técnicos superiores, um processo que segundo o autarca se arrasta há demasiado tempo “quando este processo, que já é longo, seja culminado, eu gostaria que também essa informação fosse divulgada através dos meios do município e concretamente através do web site, porque não estamos a falar de questões de género ou ideologia, mas sim de competência técnica”.

António Beites desconhece o ranking sobre o Índice de Transparência Municipal mas garante que não traduz a realidade “os planos, os relatórios, a contratação pública, são divulgados e promovidos nos sítios devidos a 100%, toda a actividade do município, quer no site, quer deliberações de câmara, assembleias municipais, tudo o que é alusivo ao código dos contratos públicos. É garantido que esse estudo não traduz a realidade de Penamacor”.

Relativamente ao concurso para recrutamento de cinco técnicos superiores, e depois de questionado por Pedro Folgado sobre a anulação de dois dos cinco concursos, o autarca penamacorense explica que a anulação se ficou a dever a “incoerências” que serão corrigidas no próximo mês com a publicação de novos avisos.  

  Redes Sociais   Facebook

2007—2020 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados