RCB/TuneIn
Sexta, 06 Dez 2019
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
SOCIEDADE
DECISÃO TARDA EM CHEGAR
Rádio Cova da Beira
Mantém-se a proibição de veículos pesados de transporte de matérias perigosas no túnel da Gardunha. Passado mais de um ano desde o simulacro promovido no túnel que apontava para a possibilidade de levantamento da proibição, nenhuma decisão foi ainda comunicada à Scutvias que admite realizar investimentos, se for caso disso, para permitir a passagem deste tipo de veículos.
Por Paula Brito em 26 de Feb de 2016
 

Na altura o risco estava a ser avaliado pelo LNEC (Laboratório Nacional de Engenharia Civil) que já enviou o relatório final ao IMT mas até à data não existe qualquer decisão do Instituto de Mobilidade e Transportes.

“Nós não temos ainda autorização, se se recordam o Dr. João Carvalho, na altura presidente do IMT, referiu que o LNEC tinha que fazer o seu relatório e depois o IMT também emitiria a sua opinião, o relatório do LNEC já foi enviado mas para já não há nenhuma indicação do IMT para que se abra o túnel às matérias perigosas”, refere Pinho Martins, director geral da Scutvias.

Recorde-se que a câmara do Fundão chegou a colocar um sinal de proibição de circulação de veículos pesados de transporte de matérias perigosas na estrada de acesso à serra da Gardunha e a Alpedrinha, como forma de pressionar a decisão e tornar públicas as preocupações da vila que continua a ser atravessada por veículos pesados de transporte de matérias perigosas.


  Redes Sociais   Facebook

2007—2019 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados