RCB/TuneIn
Segunda, 22 Jul 2019
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
DESPORTO
ESQUI: PORTUGAL BRILHA EM ANDORRA
Rádio Cova da Beira
Finalizou esta 5¬™ feira na est√Ęncia de esqui de Vallnord (Andorra), o Trof√©u Borrufa 2016, uma das mais importantes provas de Infantes, masculinos e femininos, organizadas pela Federa√ß√£o Internacional de Esqui. O nosso pa√≠s, atrav√©s da Federa√ß√£o de Desportos de Inverno de Portugal (Covilh√£), conseguiu alcan√ßar tr√™s medalhas de ouro (2) e prata, atrav√©s da lusa- descendente Vanina Guerillot.
Por Miguel Malaca em 29 de Jan de 2016

Com mais de 30 países presentes, o destaque vai naturalmente, para a prestação da jovem de 13 anos, Vanina Guerillot, filha de mãe portuguesa, e que actualmente vive e treina em França.

A esquiadora, na categoria de Infantes I, deu brilho à participação portuguesa, nomeadamente, nas disciplinas de Slalom Gigante (medalha de prata), Slalom e Combinado (medalhas de ouro). 

Ainda nesta categoria, mas no escalão masculino, Portugal fez-se representar com três esquiadores.

Manuel Ramos foi o melhor, classificando-se em 34º lugar na prova de Slalom Gigante, terminado também todas as outras competições onde participou.

Pedro Marim, estreou-se da melhor forma neste evento, ficando em 45º lugar, nas provas de Slalom e Combinado. 

Quanto a Lourenço Simões, também estreante em competições internacionais, classificou-se em 46º lugar, na prova de Combinado.

A equipa portuguesa foi ainda composta por mais dois atletas, ambos no sector masculino.

Lucas Viegas, nesta altura a residir e a treinar no Luxemburgo, terminou a prova de Slalom, na 46ª posição, enquanto o covilhanense Henrique Brancal, atingiu a sua melhor prestação, também na prova de Slalom, terminando num honroso 52º lugar.

Para Pedro Farromba, "o balanço da presença da selecção portuguesa no Troféu Borrufa é muito positivo. Considero que estes brilhantes resultados alcançados e que começaram a surgir nos últimos anos, são fruto do trabalho de prospecção feito no país e junto dos portugueses residentes no estrangeiro."

O presidente da Federação de Desportos de Inverno de Portugal (FDI-Portugal), acrescenta ainda que " queremos replicar o mesmo modelo para outras modalidades tuteladas pela federação, sabemos que existem diversos portugueses com potencial para competir a alto nível, basta para isso que consigamos dar-lhes as devidas condições de treino e acompanhamento". Refere Pedro Farromba.

A FDI- Portugal fez-se representar na competição por seis esquiadores e três elementos da equipa técnica. 

A próxima competição internacional a realizar pela FIS, e que contará também com a presença da FDI-Portugal (Covilhã), disputar-se-à na Noruega, de 12 a 21 de fevereiro.

Tratam-se dos Jogos de Inverno da Juventude 2016.

Portugal estará representado por dois esquiadores:

Andrea Bugnone e Joana Lopes.

A comitiva lusa, liderada por Pedro Farromba, presidente da federação, partirá dia 9 de fevereiro. 

 

 

 

 

 


  Redes Sociais   Facebook

2007—2019 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados