RCB/TuneIn
Sexta, 15 Dez 2017
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
SOCIEDADE
MENSAGEM DE NATAL
Rádio Cova da Beira
Bispo da diocese da Guarda considera que os conceitos de solidariedade e de proximidade devem ser as grandes prioridades nesta quadra festiva. Na tradicional mensagem de Natal, D. Manuel Rocha Felício sublinha que o apoio aos abandonados e excluídos deve merecer uma atenção especial de toda a comunidade.
Por Paula Brito & Nuno Miguel em 25 de Dec de 2015

Outras da categoria:

 “Diante do presépio de Belém nós observamos os abandonados, os excluídos, que continuam a povoar o nosso mundo e a nossa história, mesmo naquelas sociedades supostamente evoluídas e com capacidade material para acabarem com todas as formas de pobreza que nela continuam a existir. O Natal convida-nos a vestir os sentimentos do filho único de Deus para cultivarmos a proximidade e a solidariedade, sobretudo com os excluídos que não têm possibilidade ou não têm vontade de participar na vida em sociedade, ou porque lhes faltam os meios materiais e humanos indispensáveis ou porque não lhes foi dada a oportunidade de colocarem a render as suas possibilidades para construção do bem de todos.”

Na mensagem de Natal o Bispo da diocese da Guarda alerta ainda para a importância de lutar contra a indiferença globalizada.

“Temos que lutar contra a indiferença da humanidade. Hoje habituámo-nos que tal maneira a morrerem não sei quantos por dia e nem sequer nos lembramos daqueles que desaparecem, por exemplo a República Centro Africana porque não têm poderes, nem petróleo nem diamantes ficam à margem. É esta indiferença que nós temos que combater”.

D. Manuel Rocha Felício mostrou-se ainda convicto que algumas medidas propostas pelo Governo, como a revisão dos escalões de IRS ou o fortalecimento do abono de família, pode dar um contributo importante no apoio aos agregados familiares e a terminar com o inverno demográfico a que Portugal tem vindo a assistir, em particular nas regiões do interior.


  Redes Sociais   Facebook

2007—2017 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados