RCB/TuneIn
Sexta, 25 Set 2020
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
SOCIEDADE
CIMD QUER CRESCER EM 2016
Rádio Cova da Beira
A CIMD, Companhia Industrial de Materiais Duros, uma das maiores empregadoras da zona industrial do Fund√£o, que produz 80% de componentes para rel√≥gio e 20% de caixas de rel√≥gio e braceletes numa mat√©ria-prima inovadora no pa√≠s, que √© a cer√Ęmica industrial, prepara-se para implementar, a partir do pr√≥ximo ano, dois novos projectos.
Por Paula Brito em 24 de Nov de 2015

Outras da categoria:

“Um, ligado ao corte por laser que em Portugal também não existe porque é um corte de dimensão muito reduzida e não há essa especialidade, mas vamos iniciar também a maquinação de uma área ligada a materiais como aço, aço inox e outros”. Carlos Morgadinho, administrador da CIMD, falava na Universidade da Beira Interior, no âmbito da semana global do empreendedorismo, sobre os novos projectos da empresa, que emprega actualmente 165 pessoas, tem nos trabalhadores o seu principal activo e na formação e conhecimento a sua principal estratégia.

“Para implementar estes projectos vamos precisar de formação, vamos precisar da ajuda das universidades, para nós é primordial porque estamos a dar um salto tecnológico bastante importante e vamos precisar de muita gente, inclusive já contratamos jovens que saíram daqui da UBI e que vão estagiar em França e na Suíça para nos ajudarem a implementar esses novos sectores”.


  Redes Sociais   Facebook

2007—2020 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados