RCB/TuneIn
Quinta, 20 Set 2018
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
POLÍTICA
"INTERIOR CONTINUA A NÃO SER VALORIZADO COMO DEVE"
Rádio Cova da Beira
O Presidente da República deve ser o primeiro a erguer a voz contra as desigualdades regionais em Portugal. De visita este sábado ao Lar de São José, na Covilhã, Maria de Belém Roseira disse que o Interior do país continua a não ser valorizado como deve ser
Por Paulo Pinheiro em 31 de Oct de 2015

“As assimetrias mostram que o Interior não tem sido valorizado como deve ser e mesmo fazendo apelo aquilo que a Constituição estabelece, em que uma das tarefas do Estado é lutar contra as desigualdades e assimetrias, considero que é função do Presidente da República (PR) ser absolutamente feroz contra as desigualdades que humilham e rebaixam a dignidade das pessoas. Esta é a minha vontade e tenho já muita energia ao serviço dessa missão”, disse.

A candidata à Presidência da República, que atribui grande importância às instituições da área da economia social, destaca o papel que as IPSS´s podem ter na construção de uma maior coesão social entre todos os portugueses, trabalho, que na sua opinião, tem sido muito desvalorizado.

Para Maria de Belém Roseira, esta economia, parceira do Estado, tem feito um trabalho extraordinário em Portugal de que é exemplo a resposta dada face à crise que o país atravessa

 

“Foi indispensável para garantir alguma coesão social entre os portugueses e para suprir muitas das fragilidades a nível das disfunções familiares que a crise introduziu como a emigração, intensamente forte, que retirou aos idosos a possibilidade de serem apoiados pelos seus filhos e netos e sobretudo em zonas como estas (Interior) que pelo seu afastamento em relação a grandes centros há um sentimento de isolamento que se vive e que estas instituições, como o Lar de São José, contrariam”  

 

Maria de Belém Roseira defende a necessidade do Presidente da República ser um agente que estimule o que de melhor existe no país, transmita sinais de esperança e mobilize toda a sociedade portuguesa a lutar contra os flagelos que nos têm atingido. Depois do Lar de São José, onde almoçou com a direção da instituição, a candidata viajou para Castelo Branco.


  Redes Sociais   Facebook

2007—2018 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados