RCB/TuneIn
Domingo, 21 Jul 2019
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
SOCIEDADE
“MUITO MAIS QUE O TRILHO QUE FOI SINALIZADO”
Rádio Cova da Beira
O coordenador da ADXTUR tem expectativas elevadas em relação ao aproveitamento turístico da grande rota do Zêzere, que foi inaugurada no último fim de semana.
Por Nuno Miguel em 30 de Sep de 2015

Trata-se de um projecto coordenado pela agência para o desenvolvimento turístico das Aldeias de Xisto e que percorre os 370 quilómetros entre a nascente e a foz do rio e que pode ser agora procurado para o desenvolvimento de actividades desportivas e lúdicas como caminhadas, passeios de BTT, cicloturismo ou até de canoa. Rui Simão refere que “as expectativas são elevadas e nós temos a responsabilidade de as agregar e a partir dai construir uma acção colectiva consistente e suficientemente capaz de transformar esta oferta num produto com potencial em Portugal e até no estrangeiro; esta rota é muito mais do que o trilho que foi marcado, é sobretudo aquilo que nós vamos conseguir fazer em termos de atracção de pessoas e acoplar a este projecto a nossa realidade territorial, ambiental, patrimonial e até paisagística e que estrutura uma parte significativa de Portugal”.

Na passagem pelo concelho da Covilhã, o presidente da câmara municipal refere que esta iniciativa permite também devolver o rio Zêzere ao concelho uma vez que nos últimos anos tem estado de costas voltadas. Vítor Pereira refere que a autarquia pretende levar por diante algumas iniciativas específicas para a dinamização da parte do trilho que atravessa o concelho, por forma a contribuir também para a sua valorização turística “podemos ter aqui caminhadas pedestres, cicloturismo, BTT, actividades relacionadas com a pesca nos locais onde isso é permitido; temos um sem número de actividades que podem ser levadas a efeito na orla do rio e esta é também uma forma de devolver o rio ao concelho porque eles não tem andado de mãos dadas. Fisicamente o Zêzere atravessa o concelho mas a verdade é que não temos retirado do rio o enorme potencial que ele tem”.


  Redes Sociais   Facebook

2007—2019 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados