RCB/TuneIn
Domingo, 20 Out 2019
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
POLÍTICA
PSD CRITICA 1? MINISTRO
O presidente da comiss?o pol?tica distrital de Castelo Branco do PSD afirma que a visita efectuada hoje por Jos? S?crates ao distrito de Castelo Branco "? mais uma prova de discrimina??o das c?maras social democratas". Carlos S?o Martinho Gomes entende que a cerim?nia realizada em Monte do Bispo devia ter como palco os concelhos do Fund?o ou Covilh?.

Reacções de Carlos São Martinho Gomes, Manuel Frexes e Carlos Pinto
Por Paulo Pinheiro em 28 de Jun de 2009

" Em nome da equidade e da igualdade devia ter feito a cerimónia num município social-democrata. Tem a consciência pesada pela hostilização completa que fez, ao longo dos últimos quatro anos, às câmaras geridas por autarcas do PSD. Preferiu refugiar-se com o medo que as populações tivessem uma reacção negativa da ignorância que este 1º Ministro teve com a região", disse o presidente da distrital social democrata.

Para Carlos São Martinho Gomes, as populações do distrito vão saber dar a resposta adequada, nas próximas eleições, a esta postura do 1º Ministro.

Também o presidente da câmara municipal do Fundão estranha a postura do 1º Ministro. Segundo Manuel Frexes " o desprezo que demonstrou pela sua terra é lamentável. Se é para continuar o regadio no Fundão, devia deslocar-se ao Fundão e nós saberíamos receber bem".

Manuel Frexes lamenta que a autarquia fundanense tenha sido convidada, apenas na sexta-feira, pela governadora civil de Castelo Branco sustentando que "era dever do 1º Ministro estar hoje aqui no Fundão".

Presente na cerimónia, o presidente da câmara municipal da Covilhã desvaroliza a escolha do local " não temos ciúmes a esse propósito, queremos é que as obras se façam", disse Carlos Pinto.


  Redes Sociais   Facebook

2007—2019 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados